UFC

Ferguson e a negociação para enfrentar Khabib: “Tão suave quanto uma estrada esburacada”

Americano será o próximo desafiante do campeão dos leves em duelo que acontecerá no UFC 249 em abril.

Por

Depois de muita especulação, finalmente Tony Ferguson teve seu contrato assinado para enfrentar Khabib Nurmagomedov pelo título dos leves do UFC. O duelo acontecerá no dia 18 de abril, no Broolkyn (EUA), no UFC 249. Em entrevista ao “Ariel Helwani´s MMA Show”, o americano revelou como foram as negociações para ter seu tão sonhado title-shot.

- A maneira como eles fizeram realmente não foi da forma como eu queria, então isso deixou minha semana meio desagradável. Isso deixou meus fãs meio loucos, mas eles mantiveram-se alegres para mim. Isto foi tão suave quanto uma estrada esburacada, mas chegamos em nosso destino, e foi legal.

Apesar da negociação difícil, Ferguson acredita que o final feliz fez tudo valer a pena.

- O processo não foi da maneira que eu imaginava. É por isso que eu queria me sentar com o UFC. Já era a hora de começarmos a conversar e ter uma relação um pouco melhor com a empresa. E foi bom. Não posso dizer que foi ruim. Levou tempo e foi um processo. Tenho sorte de ter meus agentes comigo, então foi tranquilo quanto a isso.

Sem lesão de nenhuma das partes, seria natural que o combate fosse marcado para alguns meses antes do que a data acertada. De acordo com Ferguson, ele estaria pronto para lutar antes, e que a decisão da luta acontecer em abril não foi da parte dele.

- Você tem que perguntar isso ao UFC. Khabib ainda está numa turnê mundial. Ele está fazendo algumas coisas, beijando bebês e fazendo todas essas coisas divertidas. Quem se importa? Você sabe quem eu sou. Estou pronto para lutar em fevereiro. Eu estava pronto para pegar algum outro adversário se eles fizessem alguma coisa louca. Mas tudo deu certo. Nós vamos esperar até abril. Teremos muito tempo pra treinar. Vamos ter tempo pra não nos machucar, pra ser muito inteligente e acreditar em nosso time e dar aos fãs exatamente tudo que eles querem.


Fonte: Combate.com

Comentários (0)

Comentar

Destaques

ver blog →

Conor não descarta revanche com Aldo, mas aponta volta até 66kg como problema: ‘Cortar peso é difícil’

Carlos Diego Ferreira quer vitória contra Pettis como presente de aniversário no UFC 246

Conor McGregor diz não ter nada ruim para falar de Cerrone, mas promete "colocá-lo para dormir"

Conor McGregor acredita que receberá US$ 80 milhões em luta contra Donald Cerrone no UFC 246