UFC

Mackenzie Dern retorna ao UFC após ser mãe e enfrenta brasileira Amanda Ribas

Sua missão, porém, promete não ser fácil. Amanda estreou no UFC com um triunfo por finalização sobre Emily Whitmire, no último dia 29 de junho.

Por

Multicampeã no Jiu-Jitsu, invicta no MMA e agora mãe. Sem lutar desde maio de 2018 por conta do nascimento da sua primeira filha, Moa, que veio ao mundo em junho passado, Mackenzie Dern já tem data e adversária para retornar ao octógono. Segundo divulgou a ESPN americana, Mackenzie vai enfrentar a brasileira Amanda Ribas pelo card do UFC Fight Night 161, marcado para o dia 12 de outubro, em San Francisco, nos Estados Unidos.

Pouco mais de um mês após dar a luz, no dia 9 de junho, Dern já estava de volta aos treinos. Antes da pausa, a faixa-preta de 26 anos, que está invicta no MMA, somou sete triunfos, dois deles no Ultimate. Motivada pelo nascimento da pequena Moa, Mackenzie quer seguir crescendo na divisão peso palha e busca de uma disputa pelo cinturão.

Sua missão, porém, promete não ser fácil. Amanda estreou no UFC com um triunfo por finalização sobre Emily Whitmire, no último dia 29 de junho. Também em busca de um lugar ao sol na organização, a brasileira soma sete vitórias e uma derrota em seu cartel.

O UFC 243, que será liderado pela disputa de cinturão dos médios entre o campeão linear Robert Whittaker e o interino Israel Adesanya, ganhou mais um combate em seu card, marcado para o dia 5 de outubro, na Austrália. Também de acordo com a ESPN, o brasileiro Dhiego Lima foi escalado para enfrentar Luke Jumeau pelo peso meio-médio.

Aos 30 anos e em sua segunda passagem pela organização, Dhiego Lima vive seu melhor momento no UFC com duas vitórias seguidas, sobre Chad Laprise e Court McGee. Um ano mais velho que o brasileiro e natural da Nova Zelândia, Jumeau também vem de triunfo, em fevereiro de 2018, contra Daichi Abe. Luke, porém, não luta há mais de 15 meses.


Fonte: Tatame.com

Comentários (0)

Comentar

Destaques

ver blog →

Borrachinha cita lesões em ‘camp selvagem’ para vencer Romero e crava: ‘Sou o próximo desafiante’

Em acidente durante gravação, Ronda Rousey quase perde o dedo: ‘Foi bizarro’

Johnny Walker fará camp na Rússia, analisa Corey e garante: "Tempo de Jones está acabando"

Miocic nocauteia Cormier e recupera título peso-pesado no UFC 241