Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Brasil

Editoria sobre Brasil ir para editoria →

Brasil

Governador de MG diz que violência contra a mulher é “instinto natural”

Romeu Zema divulgou nota oficial tentando corrigir a fala que teve repercussão negativa

“Nós temos que ter ferramentas que inibam isso que a gente poderia até chamar meio que de um instinto natural do ser humano", disse o governador (Foto: Reprodução)

Por

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), disse na segunda-feira (9) que a violência contra a mulher é um “instinto natural do ser humano”. A declaração foi feita durante o lançamento do programa MG Mulher, que contará com um aplicativo de suporte às vítimas de violência doméstica.

“Nós temos que ter ferramentas que inibam isso que a gente poderia até chamar meio que de um instinto natural do ser humano. Estamos, no meu entender, nós, aqui do Ocidente, bem à frente daqueles países, principalmente daqueles onde a religião muçulmana prevalece e onde as mulheres ainda são quase que consideradas cidadãs de segunda categoria. Mas, apesar de estarmos à frente, isso não nos tira a responsabilidade de avançarmos mais ainda”, declarou o chefe do Executivo mineiro.

A fala teve forte repercussão negativa e, na tentativa de consertar, Zema divulgou uma nota oficial nesta terça-feira (10). “Ao dizer instinto natural do ser humano, o governador faz menção ao fato absurdo de o agressor enxergar a violência, seja física ou verbal, como algo natural”, diz o texto.

Confira na íntegra:

O governador Romeu Zema trata a violência contra a mulher como um crime, uma conduta covarde, abominável, que precisa ter uma punição exemplar. Nesse sentido, ao dizer instinto natural do ser humano, o governador faz menção ao fato absurdo de o agressor enxergar a violência, seja física ou verbal, como algo natural.

Desde o início da gestão, o governador Zema determinou maior atenção às vítimas de violência e o reforço das ações para combater o crime. O lançamento do MG Mulher, nesta segunda-feira, é mais uma prova disso e será uma ferramenta de proteção. Com o programa, o governador quer incentivar as mulheres a se defenderem e garantir o monitoramento efetivo do agressor. 

Destacamos ainda que durante a atual gestão foi criado o Núcleo Especializado de Investigação de Feminicídios, com objetivo de dar mais agilidade e eficiência às apurações da Polícia Civil em relação aos crimes de feminicídio consumado.

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Congresso e STF decretam luto em homenagem aos 100 mil brasileiros mortos de Covid-19

Bispo Edir Macedo é investigado pelo MPF por declaração sobre coronavírus

'Deram a visibilidade que a gente merece', diz Thammy Miranda sobre críticas a campanha

Motoboy humilhado em São Paulo ganha 1,4 milhão de seguidores, moto nova e vaquinha chega a R$ 112 mil