Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Brasil

Editoria sobre Brasil ir para editoria →

Expectativa

"Podemos ter Réveillon e Carnaval", diz prefeito do Rio de Janeiro sobre vacinação

Até o momento, 1,745 milhão de cariocas já foram vacinados com a primeira dose, o que corresponde a 25,9% da população carioca.

Prefeito do Rio de Janeiro diz que atingir a meta de 90% da vacinação pode ter Réveillon e Carnaval na cidade. (Foto: Reprodução)

Por

A prefeitura do Rio de Janeiro tem como meta vacinar 90% da população adulta até outubro com a primeira dose contra a covid-19. Na quarta-feira (12), foi anunciado um novo calendário de vacinação em que, a partir de 31 de maio, volta a imunização por idade.

“Chegando a essas condições, a gente possa ter réveillon, carnaval, que as pessoas possam voltar a se abraçar. Esse é o objetivo que a gente quer chegar. Quando a gente olha para o futuro, precisa ter um mínimo de previsibilidade”, disse hoje (14) o prefeito do Rio, Eduardo Paes, durante a divulgação do 19° Boletim Epidemiológico da Covid-19. “Mas, não custa lembrar que isso depende da chegada dos imunizantes”.

Até o momento, 1,745 milhão de cariocas já foram vacinados com a primeira dose, o que corresponde a 25,9% da população carioca. O percentual de pessoas de 60 ou mais vacinados com a primeira dose é de 96,7%. Com a segunda dose, foram 805 mil pessoas.

Ele lembrou que a capital fluminense poderia estar vacinando muito mais pessoas por dia, mas que segue a determinação do Plano Nacional de Imunizações de vacinar os grupos prioritários cujo calendário se encerra em duas semanas.

Paes antecipou que vai editar decreto no início da semana que vem com a possibilidade da volta de realização de eventos com uma série de protocolos. Ele citou como exemplo que as pessoas sejam testadas com o teste rápido no dia da realização do evento para que algumas atividades possam voltar a funcionar.

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

DJ Ivis tem liberdade concedida pela Justiça cearense após ser preso por agressão à ex-mulher Pamella Holanda

Filiação de Moro ao Podemos é marcada para 10 de novembro

Governo deve se reunir com caminhoneiros na próxima semana

Guedes diz que ala política fez pescaria e sondou colocar Mansueto no seu lugar