Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Brasil

Editoria sobre Brasil ir para editoria →

Quarentena

São Paulo reabre restaurantes, bares e cabeleireiros na próxima segunda

Para a reabertura, os restaurantes e bares devem seguir protocolos de segurança que incluem triagem rápida e diárias dos funcionários, seis horas de funcionamento.

Os ambientes devem ser abertos ou ventilados e adoção de protocolos que estão sendo atualizados com os municípios. (Foto: Reprodução)

Por

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Nesta sexta-feira (3), foi anunciada a reabertura de restaurantes, bares e salões de beleza para a próxima segunda-feira (6).
Apesar da capital ter avançado no Plano São Paulo no último dia 26 de junho, o prefeito Bruno Covas (PSDB) seguiu a orientação do comitê de contingência da Covid-19 e decidiu aguardar os resultados desta semana para se certificar de que a capital permaneceria na fase amarela.

Para a reabertura, os restaurantes e bares devem seguir protocolos de segurança que incluem triagem rápida e diárias dos funcionários, seis horas de funcionamento podendo funcionar apenas até às 17h e redução de 40% de sua capacidade máxima.
Os ambientes devem ser abertos ou ventilados e adoção de protocolos que estão sendo atualizados com os municípios.

Os salões de beleza também devem abrir as portas apenas com 40% da capacidade total e funcionar por seis horas, também com obrigatoriedade do uso de máscara. É necessário a adoção de protocolos específicos para o setor.

Também foi anunciada a antecipação da abertura de academias, que estavam previstas para quando a cidade atingisse a fase verde.

Agora, os estabelecimentos podem reabrir com 30% da capacidade total, uso obrigatório de máscaras, funcionamento por seis horas, necessidade de agendamento, limpeza de equipamentos ao menos três vezes ao dia e estão permitidas apenas as práticas individuais. O uso dos vestiários estão suspensos.


Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Em sentença, juíza declara que homem negro é criminoso 'em razão da sua raça'

Bolsonaro defende privatizações e teto de gastos após debandada na Economia

Avó de Michelle Bolsonaro morre em hospital público no DF com diagnóstico de Covid-19

Anac autoriza testes para entrega de produtos com drones