Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Eleições

Editoria sobre Eleições ir para editoria →

Em João Pessoa

Irmão de taxista morto é assassinado e outro é alvo de tiros

Segundo informações, a vítima identificada como José Erildo da Silva, conhecido por “Rato”, era irmão do também taxista conhecido por Caqui, que foi assassinado na última quinta-feira

A polícia pretende investigar se os crimes têm ligação (Foto: Aguinaldo Mota)

Por

Um taxista foi assassinado na noite deste sábado (22) no bairro Jardim Planalto, Zona Oeste de João Pessoa.

Segundo informações, a vítima identificada como José Erildo da Silva, conhecido por “Rato”, era irmão do também taxista conhecido por Caqui, que foi assassinado na última quinta-feira (20) no bairro do Grotão.

De acordo com a polícia, o taxista foi morto dentro de um veículo particular e estaria acompanhado de outra pessoa, que possivelmente foi ferida. A polícia pretende investigar se os crimes têm ligação.

Algumas horas após a morte do taxista no Jardim Planalto, outro irmão das vítimas, também taxista, estava na praça de táxi no Grotão. Ele foi surpreendido por dois homens em uma moto que efetuaram vários disparos. O taxista, que seria o terceiro irmão atingido, conseguiu correr e por pouco não foi atingido pelos disparos.

Acompanhe mais notícias do ClickPB nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram
Entre em contato com a redação do ClickPB: 
Telefone: (83) 99624-4847
WhatsApp: (83) 99624-4847
E-mail: redacao@clickpb.com.br


Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Em cumprimento à Legislação Eleitoral, o Portal ClickPB não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrarem.

Destaque

ir para editoria →

Meirelles faz pouco caso do racha no MDB/MG e prevê "vitória consagradora"

Lei Eleitoral restringe atos do poder público a partir de hoje

Pré-candidatos estão proibidos de apresentar programas de rádio e TV

Partidos receberão R$ 1,7 bilhão para campanha eleitoral, diz TSE