Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Esporte

Editoria sobre Esporte ir para editoria →

Pandemia

Ministério Público acompanha avanço da pandemia na Paraíba e pode acionar a Justiça para suspender futebol

No Brasil, 10 estados e o Distrito Federal já adotaram medidas restritivas em relação ao futebol.

Ministério Público está acompanho o avanço da pandemia do coronavírus. (Foto: Reprodução)

Por

O Ministério Público da Paraíba (MPPB) está acompanhando o avanço da pandemia do coronavírus na Paraíba e pode acionar a Justiça para suspender a realização de jogos no Estado, caso o cenário se mantenha como o atual. O Campeonato Paraibano de 2021 estava previsto para começar nesta quarta-feira (17), mas foi adiado para o dia 31 deste mês. No Brasil, 10 estados e o Distrito Federal já adotaram medidas restritivas em relação ao futebol. 

O procurador de Justiça do MPPB e coordenador da Comissão Permanente Nacional de Prevenção e Combate à Violência nos Estádios, Valberto Lira, informou ao ClickPB que está aguardando “todo esse desenrolar. Ver o que acontece até o dia 31 e alguma posição do governo”. No entanto, frisou que caso permaneça do jeito que se encontra nos próximos dias, como ainda em vigência um decreto estadual, pode acionar a Justiça.

“Se continuar do modo que estar, logicamente nós vamos ter que, mesmo inexistindo uma determinação através de decreto, acredito, a nossa via, talvez, dependendo, em 14 dias tudo pode mudar, se necessário for, nós judiciaremos e pediremos a suspensão do campeonato. Hoje, nós somos apenas expectadores”, afirmou. 

Ainda de acordo com o procurador, vários estados brasileiros já tomaram medidas restritivas quanto às partidas de futebol. “Aqui há uma certa resistência, não sei porquê. E nós estamos no momento colhendo todas as informações, as noticias”, revelou, em conversa com o ClickPB. 

Apesar do avanço da pandemia, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) mantém a realização da Copa do Brasil. Dez estados e o Distrito Federal já adotaram medidas restritivas em relação aos jogos de futebol. Em São Paulo todas as partidas estão suspensas até 30 de março e em Minas Gerais, jogos com times de outros estados estão suspensos.

Nesta semana, nove integrantes do Perilima da Paraíba, entre jogadores e equipe técnica, testaram positivo. Mesmo assim entraram em campo com menor número de jogadores para a estreia da Copa do Brasil Sub-20. Dois dos que entraram em campo tiveram contusões no primeiro tempo e o jogo foi encerrado com o time eliminado do campeonato. Outro time, em Campina Grande, teve jogadores que em um dia testaram positivo e no dia seguinte, negativo. “O que é estranho, segundo as autoridades sanitárias”, frisou. 

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Hulk lembra briga com Pottker em Atlético-MG x Cruzeiro e descarta conciliação: "Falou coisas graves"

Brasil não classifica duplas dos saltos ornamentais para Olimpíada

Titular do Real Madrid, Marcelo é convocado para ser mesário e corre risco de perder Champions

Fórmula 1 confirma GP da Turquia no lugar do Canadá para junho