Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Esporte

Editoria sobre Esporte ir para editoria →

Bola fora

Treinador espanhol é demitido após anunciar acordo com Real Madrid

Julen Lopetegui foi demitido após anunciar acordo de assumir o Real Madrid ao fim da Copa do Mundo.

Treinador Julen Lopetegui em treino da Espanha, na Rússia (Foto: PIERRE-PHILIPPE MARCOU / AFP )

Por

Depois de anunciar o acordo de assumir o Real Madrid ao fim da Copa do Mundo, o treinador da seleção espanhola Julen Lopetegui foi demitido. O presidente da Federação Espanhola de Futebol, Luis Rubiales, confirmou o afastamento do técnico na véspera do Mundial e não quis confirmar nomes de possíveis substitutos.

Rubiales apareceu em entrevista coletiva nesta terça-feira sem Lopetegui e anunciou a decisão da federação. O chefe do futebol espanhol reconheceu que a situação é "complexa e difícil" e destacou que a federação não poderia ter ficado à margem de uma negociação de seu treinador e se inteirado sobre o comunicado do Real cinco minutos antes de sua divulgação.

"Fiquei sabendo cinco minutos antes e pedi que não fizessem nada (com o comunicado do Real). Em cinco minutos, o vi na imprensa. Tivemos que reagir. Já passou. É uma situação difícil. Sei que, haja o que houver, vou receber críticas (...) A condução da seleção espanhola nos obriga a tomar algumas decisões, respeitar alguns valores. A negociação é legítima, mas foi feita sem qualquer informação à federação. É um dia difícil", frisou o presidente, que pediu o apoio do povo espanhol na superação da crise em campo.

O anúncio da saída de Lopetegui chega dois dias antes da estreia da Espanha na Copa da Rússia. Rubiales frisou que "é um grande golpe" que "afeta a todos" na seleção espanhola, inclusive os jogadores. O presidente não quis responder se os esportistas apoiaram a decisão.

"Não me sinto traído. Enquanto trabalhou, (Lopetegui) foi fiel. Outra coisa é como isso foi feito (o anúncio do acordo com o Real). Não podemos passar por alto. E Julen é um treinador impecável. Mas há uma forma de fazer as coisas que precisa ser respeitada", ressaltou o presidente Rubiales.

ACORDO COM REAL MADRID    

Desde a inesperada decisão de Zinedine Zidane em deixar o comando do Real Madrid, o clube espanhol estava à procura de um substituto. Muitos nomes foram especulados, mas o anúncio oficial foi feito nessa terça: Lopetegui assumiria a equipe ao fim da Copa do Mundo. O anúncio pegou de surpresa a federação espanhola, que confirmou a negociação em seu site duas horas depois. Até então, o órgão máximo do futebol nacional ressaltava que o elo com o treinador seria desfeito amigavelmente ao fim do Mundial.

Lopetegui havia renovado com a seleção espanhola por mais dois anos, há três semanas. O contrato entre ele o Real Madrid será de três anos, mas os valores não foram divulgados.

Natural da Asteasu, no País Basco, Lopetegui, de 51 anos, assumiu a seleção espanhola em 2016, após a era Del Bosque. Ele já foi treinador das seleções de base da Espanha (sub-17, sub-19 e sub-20, e do time B do Real, em 2008. Como atleta, o ex-goleiro vestiu a camisa merengue entre 1985 e 1991.

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Alison e Álvaro vencem final brasileira e ficam com o título em Portugal

Ônibus do Caçadores quebra na estrada, e jogo contra o Espectros, pelo BFA, é cancelado

Treze enfrenta o Náutico pela Série C do Campeonato Brasileiro

Voo do Palmeiras à Argentina sofre com ventos, e membros do time passam mal