Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Paraíba

Editoria sobre Paraíba ir para editoria →

Multas

Radares eletrônicos na Paraíba multarão após liberação do Ministério da Infraestrutura e do Imetro, diz chefe do Dnit

Dos 15 radares que ligam João Pessoa a Cabedelo, seis equipamentos foram instalados, mas ainda estão sendo ajustados. Um total de quatro ainda faltam ser colocados e, existe a estimativa de que mais cinco sejam inseridos nesse trecho, segundo o Dnit.

Em todo o estado, a previsão é que 181 equipamentos devam ser instalados. O prazo segundo o DNIT é que até julho estejam em funcionamento completo. (Foto: Walla Santos)

Por

Em entrevista ao Portal ClickPB, o chefe de serviços de Operação do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), Ítalo Filizola explicou que a retomada das multas feitas pelas barreiras e radares eletrônicos da BR-230, que liga João Pessoa a Cabedelo, só será retomada após liberação do Ministério da Infraestutura e aprovação do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Imetro).   A empresa responsável pelas instalações é a Fiscal Automação e Tecnologia e Automação. 

Dos 15 radares que ligam João Pessoa a Cabedelo, seis equipamentos foram instalados, mas ainda estão sendo ajustados. Um total de quatro ainda faltam ser colocados e, existe a estimativa de que mais cinco sejam inseridos nesse trecho, segundo o Dnit. 

"Eles registram, mas só multam depois da aferição do Imetro e da autorização do início da validação das imagens, que só será feito após a aprovação do Ministério da Infraestrutura", explicou Ítalo. 

No Sertão, 35 equipamentos que operam nas rodovias ere as cidades de Patos e Cajazeiras, já estão em operação e multando os condutores que ultrapassem o limite de velocidade. 

Em todo o estado, a previsão é que 181 equipamentos devam ser instalados. O prazo segundo o DNIT é que até julho estejam em funcionamento completo. "No cronograma aprovado junto a empresa responsável temos a previsão de que até julho tudo deva estar instalado, mas pode haver ampliação desse prazo devido alguns atrasos no processo de instalação e liberação", explicou.

Segundo ele, "ainda não existe um prazo específico para que isso seja implementado, mas iremos avisar por meio de comunicado toda a população. Embora os equipamentos estejam sendo instalados a responsabilidade pela autorização dos registros de multas depende da liberação do Ministério", salientou. 



Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Eleição do presidente da Câmara Municipal de Patos será realizada nesta sexta

Pacientes denunciam falta de medicamentos no Laureano e crianças estão indo se tratar em PE

Trânsito da BR-101 será desviado no trecho Mamanguape para instalação de passarela metálica

Deputado Wallber Virgolino não acredita em rompimento no PSB: 'o drible da vaca'