Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Paraíba

Editoria sobre Paraíba ir para editoria →

Perigo

Moradores de Tibiri Fábrica denunciam risco de chaminé cair sobre casas, em Santa Rita

Rogério Cavalcante da Costa, 25 anos, mora no local há 15 anos, e disse que a sua mãe já passou mal quando caíram pedaços do bueiro.

Por

Os moradores de Tibiri Fábrica denunciaram nesta segunda-feira (17) ao Portal ClickPB o risco de tombamento de uma estrutura da antiga Companhia de Tecidos Paraibanos - CTP, conhecida como Fábrica Tibiri, no bairro de mesmo nome, em Santa Rita. Eles afirmam que estão correndo risco de vida caso o bueiro, que é a chaminé da fábrica, desabe sobre as casas e muitos estão assustados porque a estrutura está rachada e pedaços estariam caindo.  

A fábrica Tibiri deu lugar ao que, atualmente, é a Praça do Povo, porém o bueiro continua em pé. A população decidiu denunciar ao Portal ClickPB para que as autoridades tomem providências.

Rogério Cavalcante da Costa, 25 anos, mora no local há 15 anos, e disse que a sua mãe já passou mal quando caíram pedaços do bueiro. Ele é um dos moradores que moram perto do bueiro.    

"A gente não sabe a quem recorrer. A gente já falou com o Corpo de Bombeiros, eles vieram, isolaram a área, e nós estamos aqui precisando de ajuda", disse outra moradora.


Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Eduardo Bolsonaro ataca Julian Lemos e posta montagem do paraibano sentado em privada

Apesar da crise, Julian Lemos acredita em reconciliação e nega boicote ao filho de Bolsonaro

Tribunal de Justiça extingue cargos e destitui 29 chefes após fechar Comarcas na Paraíba

Ex-prefeito, vereador e ex-secretária de Teixeira são condenados por desvios de R$ 297 mil na saúde