Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Paraíba

Editoria sobre Paraíba ir para editoria →

Saúde

Servidores de João Pessoa com mais de 60 anos ou com comorbidade devem voltar ao trabalho presencial após 21 dias da segunda dose contra a Covid-19

Para o retorno dos profissionais, a Secretaria de Administração garantiu a adoção de medidas de biossegurança, como a disponibilização do álcool em gel, sanitização dos ambientes e distanciamento entre os servidores.

Desde 15 de julho, quando a vacinação chegava aos cidadãos na faixa dos 40 anos, foi determinado o retorno aos trabalhos presenciais para os servidores da administração direta e indireta. (Foto: reprodução)

Por

Com o avanço da vacinação para a Covid-19, o prefeito de João Pessoa, Cícero Lucena, determinou o retorno dos servidores com 60 anos ou mais e os que possuem comorbidades, a retornarem ao trabalho na modalidade presencial 21 dias após a aplicação da segunda dose da vacina ou da dose única. A nova determinação, publicada no Semanário Oficial através do decreto nº 9.814/2021 altera o decreto nº 9.758/2021, que facultava o trabalho remoto para estes servidores.

Desde 15 de julho, quando a vacinação chegava aos cidadãos na faixa dos 40 anos, foi determinado o retorno aos trabalhos presenciais para os servidores da administração direta e indireta. O trabalho remoto permaneceu apenas para gestantes, maiores de 60 anos e pessoas com comorbidades que representem fatores de risco para desenvolver forma grave da Covid-19. Agora, o trabalho remoto permanece facultativo apenas para as gestantes.

Para o retorno dos profissionais, a Secretaria de Administração garantiu a adoção de medidas de biossegurança, como a disponibilização do álcool em gel, sanitização dos ambientes e distanciamento entre os servidores. Além disso, o uso de máscara continua obrigatório, assim como em todas as situações no âmbito do município de João Pessoa.

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Opera Paraíba contabiliza mais de nove mil cirurgias até o mês de outubro

Cemitérios de Campina Grande ficarão abertos durante quatro dias para evitar aglomerações no Dia de Finados

João Azevêdo reivindica no TCU liberação das obras do Ramal de Piancó para assegurar água a 37 municípios da Paraíba

Walber Virgolino critica Romero Rodrigues: "Deixou uma atitude negativa na política com traição"