Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Paraíba

Editoria sobre Paraíba ir para editoria →

Recadastramento

TRE abre mais 4 mil vagas para cadastro biométrico em João Pessoa

As vagas de agendamento para o recadastramento biométrico dos eleitores de João Pessoa para os dias 7 a 11 de outubro foram abertas na tarde desta quarta-feira (28) pelo Tribunal Regional da Paraíba (TRE-PB). Ao todo são quatro mil vagas, distribuídas para os postos de atendimento instalados no Fórum Eleitoral, em Tambiá, na sede do TRE-PB, na Casa da Cidadania de Mangabeira e no Centro Administrativo da Prefeitura da capital, em Água Fria.

O agendamento deve ser feito acessando o Sistema de Agendamento da Biometria, na página do TRE-PB, preenchendo o formulário escolhendo o local e horário disponíveis. Caso o eleitor, por qualquer motivo, não possa comparecer no dia agendado, deve fazer o cancelamento para que seja disponibilizada a vaga a outro eleitor. Para cancelar, basta acessar o link “acompanhar agendamento” e, ao acessá-lo, solicitar o cancelamento. 

O secretário de Tecnologia da Informação do TRE-PB, Leonardo Lívio, ressaltou que o agendamento da biometria em João Pessoa, que está sendo feito exclusivamente pela Internet, é uma medida temporária. “Estamos finalizando o processo de contratação de pessoal para reforçar o atendimento na capital. Tão logo seja concluído, iremos instalar diversos postos com atendimento por agendamento e espontâneo”, afirmou. 

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Mais 504 mil famílias paraibanas devem receber o pagamento do abono do Bolsa Família nesta terça-feira

Pequenos negócios na Paraíba representam 30% do PIB

Cinquentinhas sem documentação começam a ser apreendidas em janeiro

TJPB vai aproveitar servidores efetivos em cargos comissionados