Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Política

Política - Últimas Notícias do Mundo Político | ClickPB ir para editoria →

Polêmica

Depois de pressão na Assembleia Legislativa, cabo Gilberto toma primeira dose de coronavac

O parlamentar apresentou a carteira de vacinação na sessão de hoje.

Cabo Gilberto apresenta carteira de vacinação com a primeira dose de vacina Coronavac. (Foto: Reprodução)

Por

O deputado estadual Cabo Gilberto da Silva (PSL) tomou a primeira dose de vacina contra Covid-19 após polêmicas e até motivo da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) voltar atrás e suspender as atividades presenciais na instituição na semana passada. A primeira dose aconteceu nesta quarta-feira (13), em João Pessoa.

O parlamentar mostrou sua carteira de vacinação durante a sessão ordinária de hoje, no formato online, como acompanhou o ClickPB. Conforme o documento apresentado pelo deputado, a primeira dose foi da vacina Coronavac/Butantan. O tempo de intervalo entre a primeira e segunda doses é de 28 dias. 

Apesar do deputado dizer que não era contra a vacina, não marcava uma data para fazer a sua imunização. Na semana passada, a deputada Jane Panta, que é médica, chegou a se disponibilizar para imunizá-lo, inclusive com a de dose única, mas o deputado não informou o dia que se vacinaria. 

Na semana anterior, a ALPB havia iniciado as atividades no formato híbrido, porém, apenas quem tivesse vacinado poderia entrar na Casa de Epitácio Pessoa, por conta de uma resolução aprovada há duas semanas. No entanto, Cabo Gilberto foi a sessão presencial, apesar de não estar imunizado. Isso gerou embate entre os parlamentares.

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Lula vê Brasil encalacrado e cobra aliados na trincheira de sua campanha em 2022

'Jamais vou exigir o passaporte de vacina', diz Bolsonaro a apoiadores

Efraim Filho é cotado como possível candidato a vice-presidente de Sérgio Moro, revela colunista

Sem opções na oposição, PTB fecha questão e decide lançar Nilvan Ferreira como pré-candidato ao Governo da Paraíba