Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Política

Editoria sobre Política ir para editoria →

No Centro Administrativo

Peixe mero é excluído da "Licitação da lagosta" e fase de lances prossegue nesta sexta

O pregão presencial para registro de preços de gêneros alimentícios para a residencia oficial do governador, que ficou conhecido como "licitação da lagosta"...

O pregão presencial para registro de preços de gêneros alimentícios para a residencia oficial do governador, que ficou conhecido como "licitação da lagosta", e que gerou polêmica entre os paraibanos devido ao volume de produtos exóticos (9 toneladas), teve continuidade nesta manhã de sexta-feira, 13. Segundo informou a diretora executiva da Central de Compras, Ana Maria Nóbrega, teve inicio hoje a fase de lances, e das 14 empresas credenciadas na última quinta, algumas teriam sido desclassificas por não cumprir com a documentação exigida para concorrer em determinados ítens.

"A análise das propostas foi concluída e algumas empresas foram desclassificadas para concorrer em alguns ítens, mas elas continuam participantes do processo, com outros", declarou Ana Maria. Acerca do ítem 5 que consta na licitação, o peixe Mero, cujo fornecimento é proibido pelo Ibama, a diretora informou que o ítem foi removido. "Nós não sabíamos dessa proibição. Graças a informação veiculada através da imprensa, fomos atrás e constatamos que o peixe é proibido, por isso ele foi removido. A exclusão do ítem foi publicada no Diário Oficial de hoje".

A previsão para o resultado com os vencedores da "licitação da lagosta", bem como a taxa de preços dos 113 ítens licitados será divulgada nesta tarde. Sobre a inclusão dos alimentos exóticos, o governo afirma que a aquisição da licitação foi semelhante ao processo realizado em 2010.  

licitação

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Vereadores de João Pessoa aprovam LOA 2016 e crédito de R$ 400 milhões

Vereadores barram aumento no tempo de carência da Zona Azul

CMJP dispensa obras de artes em prédios públicos estaduais e federais

Formação de comissão de impeachment de prefeita provoca confusão em Câmara