Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Política

Política - Últimas Notícias do Mundo Político | ClickPB ir para editoria →

Eleições 2020

Nilvan Ferreira será o candidato do PSL à prefeitura de João Pessoa; aponta jornal

Apresentador tem aval do presidente estadual do partido, o deputado federal Julian Lemos, conforme mostrou matéria do Correio Braziliense.

Nilvan será candidato do PSL (Foto: Reprodução)

Por

O radialista Nilvan Ferreira será candidato pelo PSL nas eleições municipais de 2020. É o que afirma o jornal Correio Braziliense, que na edição desta domingo (17) trouxe os nomes que concorrerão às eleições pelo partido, após a saída do presidente Jair Bolsonaro.

De acordo com a matéria do Correio Braziliense, Nilvan Ferreira tem o aval do presidente do partido na Paraíba, o deputado federal Julian Lemos.

Para o presidente nacional do PSL, Luciano Bivar, a desfiliação é a chance de reposicionar a sigla no cenário político nacional, com a construção de uma narrativa classificada por interlocutores como racional, não radical nem extremista.

O alinhamento com as pautas governistas, liberais na economia e conservadoras nos costumes, não vai mudar, mas haverá um senso de autonomia maior para construção de acordos com os partidos de centro, em um movimento que se refletirá nas eleições municipais de 2020.

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Senadora Leila do Vôlei é diagnosticada com Covid-19

PEC da 2ª instância no Congresso livra ex-presidente Lula, mas ameaça senador Flávio Bolsonaro

CGU detecta 49 servidores da Câmara de Campina Grande como recebedores ilegais do auxílio emergencial e CMCG notifica envolvidos

Supremo Tribunal Federal nega pedido e Berg Lima continua afastado da prefeitura de Bayeux