Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Religião

Editoria sobre Religião ir para editoria →

Igreja

Fé e emoção marcam passagem da imagem de Nossa Senhora da Penha pelas ruas de João Pessoa

Pelo segundo ano, a romaria não aconteceu por causa dos cuidados relacionados à pandemia da Covid-19, mas um comboio com a imagem da santa saiu do Santuário e percorreu a cidade.

Das calçadas, muita gente parava para ver a passagem do cortejo com a imagem de Nossa Senhora da Penha. Mas a grande concentração de fiéis foi mesmo nos locais onde havia parada programada. (Foto: Secom-JP)

Por

Fé, orações e emoção marcaram a peregrinação da imagem de Nossa Senhora da Penha pelas ruas da Capital neste sábado (27). Pelo segundo ano consecutivo, a tradicional romaria com presença de milhares de pessoas não aconteceu por causa dos cuidados relacionados à pandemia da Covid-19, mas um comboio com a imagem da santa saiu do Santuário, passou por três Unidades de Pronto Atendimento (UPA), hospitais, Igreja de Nossa Senhora de Lourdes e retornou à Penha para missa campal.

Das calçadas, muita gente parava para ver a passagem do cortejo com a imagem de Nossa Senhora da Penha. Mas a grande concentração de fiéis foi mesmo nos locais onde havia parada programada.

Em frente ao Hospital Municipal do Valentina, primeira parada, onde dezenas de pessoas já esperavam a Santa, aconteceu um dos momentos de emoção. Com camisetas, lenços azuis, bolas brancas e terços nas mãos, fiéis entoaram cânticos e fizeram orações em homenagem aos profissionais de saúde e pela recuperação dos pacientes. Momento de fé repetido nas demais paradas da peregrinação.

O cortejo de Nossa Senhora da Penha fez paradas rápidas em seis locais pontuais para oração por profissionais da saúde e enfermos. Após a saída do Santuário, a primeira parada foi no Hospital do Valentina, na sequência, teve a UPA Cruz das Armas, Igreja de Nossa Senhora de Lourdes (Jaguaribe), Hospital Santa Isabel (Tambiá), UPA Jardim Oceania (Bessa), UPA Bancários e retorno ao Santuário.

O trajeto da peregrinação contou com o planejamento da Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana (Semob-JP) que montou um esquema especial de trânsito, com o objetivo de manter o ordenamento e a segurança viária durante a peregrinação da imagem de Nossa Senhora da Penha, que durante o cortejo foi seguida apenas veículos oficiais, a exemplo de viaturas da Semob-JP, Corpo de Bombeiros, Polícia Militar, Departamento de Trânsito da Paraíba (Detran-PB), Departamento de Estradas e Rodagem (DER) e Polícia Rodoviária Federal (PRF).


Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

​​Papa Francisco reza por vítimas das chuvas e inundações no Brasil

Bispo na Itália proíbe padres sem vacina contra Covid de darem comunhão a fiéis

Papa defende vacina, condena desinformação e critica 'cultura do cancelamento'

Papa lamenta que famílias substituam filhos por animais domésticos