Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Tecnologia

Editoria sobre Tecnologia ir para editoria →

Salão de Genebra

'Carro-moto', quase 1.000 cv... G1 mostra quem rouba a cena no salão

Ferrari de quase 1.000 cavalos de potência, carro que se comporta como moto, a picape do futuro... Em meio a centenas de atrações do Salão de Genebra

Por

Ferrari de quase 1.000 cavalos de potência, carro que se comporta como moto, a picape do futuro... Em meio a centenas de atrações do Salão de Genebra, alguns modelos roubam a cena.


Até a última quarta-feira (6), o evento estava aberto só para a imprensa e, mesmo assim, a aglomeração era grande em frente dos estandes desses carros. Ser diferente, exclusivo, inovador é o segredo para se destacar no meio de tanta movimentação.

 É carro ou é moto?
Inovador é o que se pode dizer do Toyota i-Road, um carro-conceito de três rodas e que se inclina nas curvas como se fosse uma motocicleta(assista no vídeo ao lado).

A ideia é oferecer um modelo para as necessidades urbanas do futuro: moderno, compacto, ágil e não-poluente. O i-Road tem capacidade para dois passageiros em um espaço de 2,5 m de comprimento por 1,5 m de altura, com um motor elétrico com autonomia para rodar até 50 quilômetros.

Alguns modelos como o Piaggio MP3 e o Quadro 350 D já possuem tecnologia similar à do i-Road - a Peugeot também tem o Metropolis 400i. No entanto, estes scooters contam com os tradicionais guidões de motos. Em alguns países da Europa, como França e Espanha, o Piaggio MP3 LT é homologado como triciclo e pode ser dirigido, por equivalência, a quem possui apenas habilitação de automóveis.

Mitsubishi Concept GR-HEV (Foto: Sebastien Feval/AFP)Mitsubishi Concept GR-HEV
(Foto: Sebastien Feval/AFP)

É automóvel ou é picape?
Outro carro conceito curioso é o Mitsubishi GR-HEV, com motor elétrico combinado a um turbodiesel de 2.5 litros para gerar mais potência. A marca afirma que o modelo com tração total nas quatro rodas teria emissão de carbono em 149g/km, sendo que, para distâncias curtas, ele poderia rodar unicamente utilizando o propulsor elétrico, ou seja, sem emissões.

O desenho é bem arrojado, com uma traseira enorme, ao estilo do que é apreciado no mercado norte-americano.

Veneno em detalhes
Mas no topo da lista dos carros chamativos de Genebra estão os superesportivos, uma tradição no evento. Puxa a "fila" o Lamborghini Veneno, com um preço estimado acima de 3 milhões de euros (cerca de R$ 7,7 milhões) e com apenas três unidades produzidas - e já vendidas -, então o jeito mesmo é só ficar olhando.

Lamborghini lança o Veneno, de R$ 7,7 milhões (Foto: Luis Fernando Ramos/G1)Lamborghini lança o Veneno, de R$ 7,7 milhões
Foto: Luis Fernando Ramos/G1)

O carro com nome de touro possui motor 6.5 litros de 12 cilindros, despejando 760 cavalos de potência sobre uma carroceria feita inteiramente em fibra de carbono.

Essa opção por um material leve também foi utilizada pela McLaren na concepção do P1. O modelo híbrido combina um motor a combustão e um elétrico para chegar à surpreendente potência de 903 cavalos.

A velocidade máxima é limitada eletronicamente a 350 km/h (a do Lamborghini Veneno fica em 355 km/h) e, de acordo com a McLaren, o carro ultrapassa a barreira dos 300 km/h em 17 segundos - 5 segundos mais rápido do que o próprio carro de Fórmula 1 da marca.

Ferrari apresenta a híbrida LaFerrari (Foto: Denis Balibouse/Reuters)Ferrari apresenta a híbrida LaFerrari
Foto: Denis Balibouse/Reuters)

Ferrari em dobro
A Ferrari também foi buscar na tecnologia Hy-Kers da categoria máxima do automobilismo mundial elementos para criar seu novo superesportivo, o La Ferrari.

A potência anunciada é de 976 cavalos, também com um motor híbrido. Serão produzidas apenas 499 unidades, mas ninguém no estande da marca em Genebra soube informar se algum dos compradores é brasileiro.

Dos carros-conceito, aqueles que ainda são considerados um estudo, o superesportivo Pininfarina Sergio é o mais popular. Criado em homenagem ao homem que comandou a empresa de carrocerias, morto no ano passado, o modelo foi feito em parceria com a Ferrari e chama a atenção pelo desenho arrojado e pela ausência completa de um para-brisas. Sua produção em série não está totalmente descartada, já que ele é construído em cima da base do já existente modelo Ferrari 458 Italia.

Pininfarina apresenta o modelo 'Sergio' em homenagem ao designer Sergio Pininfarina (Foto: Luis Fernando Ramos/G1)Pininfarina fez o modelo Sergio em homenagem ao designer Sergio Pininfarina
Foto: Luis Fernando Ramos/G1)

 

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Felipe Neto distribui dinheiro na internet em comemoração aos 35 milhões de seguidores

Claro lança novo app para gerenciar linha móvel no iPhone e Android

Whatsapp corrige falha de segurança e todos devem atualizar aplicativo

WhatsApp baniu mais de 400 mil usuários no Brasil por envio de mensagens em massa na eleição de 2018