Ação

Polícia apreende explosivo e evita tragédia durante confusão entre torcedores do Botafogo-PB e Treze, em João Pessoa

A Polícia Militar emitiu uma nota esclarecendo os fatos ocorridos no confronto envolvendo torcedores do Botafogo-PB e Treze.

Polícia apreende explosivo e evita tragédia durante confusão entre torcedores do Botafogo-PB e Treze, em João Pessoa

A Polícia Militar emitiu uma nota esclarecendo os fatos ocorridos no confronto envolvendo torcedores do Botafogo-PB e Treze, realizado na noite desta quarta-feira (13) no estádio Almeidão. De acordo com os militares um artefato explosivo foi apreendido com um torcedor do Botafogo-PB que seria arremessado contra a torcida rival do Treze. A nota explica também que dois torcedores do foram presos e levados para Central de Polícia Civil.

Ao ClickPB, a Polícia Militar desmentiu que um torcedor foi atingindo com disparo de bala de borracha no olho. Os militares explicaram que torcedores tentaram impedir a prisão de uma pessoa e durante o tumulto um torcedor caiu e bateu a cabeça, chegando a falar num primeiro momento que tinha sido “bala de borracha”, fato desmentido pela corporação militar. As informações registradas pela Polícia Militar devem ser apresentadas ao Ministério Público.

Artefato explosivo apreendido pela PM

Confira nota da PMPB

A Polícia Militar vai enviar um relatório para o Ministério Público com todos os detalhes dos envolvidos na confusão, para que sejam tomadas providências

O que houve?

– No primeiro tempo, um torcedor do Botafogo foi preso com um artefato explosivo caseiro do lado de fora, no momento que ia arremessar para dentro da torcida do Treze. Ele já tinha lançado um antes na arquibancada do Treze;

– No segundo tempo, um torcedor do Botafogo foi preso dentro do Estádio após desacatar uma policial militar (inclusive com palavras de baixo calão contra ela) porque ela impediu ele e outros torcedores de descerem para participar de uma confusão que estava acontecendo do lado de fora. Outros torcedores tentaram impedir a prisão, teve tumulto, uma torcedora machucou o pé e outro torcedor levou uma queda e bateu com a cabeça, chegando a falar num primeiro momento que tinha sido “bala de borracha”, mas não procede; O outro atendimento que teve, que foi ainda no primeiro tempo, foi de uma mulher que tinha machucado o pé ao tentar pular uma poça de água (sem ligação com confusões)

E do lado de fora?

Do lado de fora houve um confronto entre torcedores do Botafogo que não quiseram entrar no Estádio e ficaram esperando a torcida do Treze

Já nos 20 minutos do segundo tempo, chegaram três ônibus e duas vans do Treze, com torcedores sem ingresso e pararam uma rua antes (o acordo com a polícia era parar na frente da bilheteria para que fosse mantida a segurança para comprarem o ingresso e entrarem)

Eles saíram dessa rua em grupo e houve o encontro com a torcida do Botafogo, começando a confusão que os policiais tiveram que usar meios não letais para conter e mandar os torcedores do Treze retornarem para o ônibus e volta para Campina Grande, pois já passava dos 35 minutos do segundo tempo

Um policial da cavalaria ficou ferido

Outros cinco torcedores do Botafogo foram flagrados na BR, em Bayeux, aguardando a comitiva do Treze para jogarem paus e pedras

Todos esses fatos constarão no relatório. Os dois presos no jogo foram apresentados na Central de Polícia

Leia também:

Torcidas e polícia protagonizam show de horrores no Almeidão, com torcedor ferido e bombas, em João Pessoa

COMPARTILHE

Bombando em Notícias Policiais

1

Notícias Policiais

Carro sai da pista, capota e cai em vala na BR-101, em Conde

2

Notícias Policiais

Homem é preso com quase uma tonelada de maconha em Campina Grande

3

Notícias Policiais

Motorista de caminhão que pegou fogo em acidente na BR-101, em Mamanguape, é internado em estado grave no Trauma

4

Notícias Policiais

VÍDEO: caminhões pegam fogo após colisão na BR-101 em Mamanguape e trânsito fica interditado

5

Notícias Policiais

Tiroteio em frente a Facisa assusta moradores em Campina Grande