Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Notícias Policiais

Editoria sobre Policial ir para editoria →

Em Pernambuco

Acusado de matar Anielle nega que tenha estuprado menina morta em João Pessoa: "não estuprei ninguém não, moço"

O corpo da criança foi encontrado em uma mata ao lado do Pão de Açúcar, no bairro Miramar, na capital paraibana, nesta quarta-feira (8). José foi preso em Ferreiros, município pernambucano.

Por

José Alex da Silva, acusado de matar Anielle Teixeira, de 11 anos, em João Pessoa, negou que tenha estuprado a menina. Ele foi preso em Ferreiros, Pernambuco, nesta quarta-feira (8), onde estava refugiado na casa de parentes, conforme apurou o ClickPB.

O corpo da criança foi encontrado em uma mata ao lado do Pão de Açúcar, no bairro Miramar, na capital paraibana, nesta quarta-feira (8).

Em vídeo, ao ser questionado, José Alex negou que tenha estuprado Anielle. "Não estuprei ninguém não, moço." Ele não respondeu a nenhuma outra pergunta pelo homem que gravava o vídeo.

Saiba mais

José será ouvido pela Polícia Civil de Pernambuco e deve ser encaminhado à Paraíba nas próximas horas.

O desaparecimento de Anielle

No fim de semana, a criança e a família passaram o dia na praia. À noite, a mãe decidiu dormir no quiosque de um conhecido. A ideia era acordar cedo, tomar o banho de mar e retornar para casa como relatou a mãe.

No entanto, imagens de um circuito interno do quiosque gravaram o momento em que o homem chegou de bicicleta no quiosque na orla da capital e levou a criança. A mãe acredita que a criança tenha sido ameaçada pelo homem.

Na madrugada de hoje, o corpo da menina foi encontrado em uma área de mato perto das margens do Rio Jaguaribe, no bairro de Miramar, em João Pessoa. Anielle Teixeira desapareceu, às 5h, do domingo (05), de um quiosque na orla marítima de João Pessoa.  Na segunda-feira (06), a Polícia Civil, por meio da Delegacia de Crimes contra a Pessoa da Capital, que investiga o caso, encontrou roupas sujas de sangue em uma casa. Mas ninguém foi encontrado no local.

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Suspeito é preso e indica local onde corpo do homem acusado de abusar de criança foi deixado em João Pessoa

Assembleia Legislativa aprova em dois turnos criação da Polícia Penal da Paraíba

Bandidos arrombam supermercado e fogem levando 40 iphones, tablets e relógios em João Pessoa

Jovens são assassinados a tiros e Polícia prende quatro pessoas suspeitas de cometer o crime em Jacaraú