Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Notícias Policiais

Editoria sobre Policial ir para editoria →

Investigação

Caso Júlia: padrasto afirma em depoimento que matou adolescente esganada enquanto ela dormia

O corpo foi encontrado após o padrasto da vítima confessar o crime e indicar o local.

O corpo da menina foi encontrado nesta terça-feira (Foto: Reprodução)

Por

O corpo da adolescente Júlia, que estava desparecida há uma semana, foi encontrado nesta terça-feira (12), em uma cacimba em João Pessoa. O corpo foi encontrado após o padrasto da vítima confessar o crime e indicar o local. 

O delegado Hector Azevedo informou que o homem confessou durante o depoimento que matou a menina por meio de esganadura enquanto ela dormia. Ainda segundo o acusado, o crime aconteceu durante a madrugada e após cometer o crime, ele colocou a menina dentro do carro e jogou o corpo dentro da cacimba. O padrasto em seguida retornou para casa e ao amanhecer foi trabalhar normalmente. 

 O homem afirma que cometeu o crime porque a companheira estava grávida, e Júlia não aceitava, ele temia que ela pudesse fazer algum mal ao bebê e a mãe. 

O corpo da adolescente foi encaminhado para o Instituto Médico Legal onde passará por uma perícia. Devido ao estado de decomposição, o corpo passa por um processo de congelamento. A Polícia quer saber se a menina foi abusada sexualmente antes de ser morta.

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Polícia Federal prende homem com mais de 8 kg de bombons recheados com cocaína

Polícia Civil prende acusado de matar ex-companheira em Santa Cecília, na Paraíba

Polícia prende foragido da Justiça em Sousa; homem era procurado por tentativa de homicídio, tráfico, roubo e posse ilegal de arma de fogo

Comércio ilegal de ouro: Polícia Federal cumpre mandados na Paraíba e apreende celulares e documentos e Justiça bloqueia R$ 614 milhões em operação contra lavagem de dinheiro