Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Notícias Policiais

Editoria sobre Policial ir para editoria →

Homicídio

Suspeito de matar professor a facadas na Paraíba era amigo da vítima

Lambert Cabral de Oliveira, de 51 anos, foi preso durante depoimento prestado na Central de Polícia Civil, em João Pessoa, nesta terça-feira (16).

O suspeito de matar o professor foi preso na Central de Polícia de JP (Foto: Walla Santos)

Por

O homem suspeito de matar o professor José Alves Dionísio, era muito próximo e fazia parte do ciclo de relação da vítima, segundo o delegado Aldrovilli Grisi. Lambert Cabral de Oliveira, de 51 anos, foipreso durante depoimento prestado na Central de Polícia Civil, em João Pessoa, nesta terça-feira (16).

De acordo com informações de familiares, o suspeito era amigo da família há mais de 20 anos e o professor era padrinho da filha do acusado. O suspeito também teria trabalhado na na granja da vítima.

O corpo do professor foi encontrado em um canavial no município de Santa Rita, na região metropolitana de João Pessoa, no último dia 5 de abril.

A última vez que o professor foi visto e teve contato com parentes e amigos foi às 23h do dia 4 de abril. Parentes e amigos foram intimados para colher informações sobre a vida do professor nos últimos dias.

O delegado Aldrovilli Grisi apontou, na descoberta do corpo, que o crime foi cometido com proximidade entre vítima e homicida, por causa dos golpes de faca.

Veja também:



Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Após troca de tiros com a Polícia Militar, foragido da justiça é baleado e morre em hospital do Sertão paraibano

Polícia Federal deflagra operação contra quadrilha que fraudava benefícios do INSS

João Almeida sofre queda durante ocorrência da PRF e é socorrido para unidade de saúde em João Pessoa

Bandidos invadem casa lotérica e roubam R$ 40 mil em Campina Grande