UFC

Dana White: Whittaker "terá que lutar contra outra pessoa" antes da disputa pelo título do UFC

Presidente do UFC esfria planos do neozelandês de enfrentar Adesanya na próxima luta. Paulo Borrachinha tem feito campanha por uma luta com o ex-campeão dos médios.

Por

O futuro de Robert Whittaker ainda não está definido. O ex-campeão peso-médio (até 84kg) do UFC tem tido sucesso no caminho que tem refeito em busca de uma nova chance pelo cinturão. Depois de perdê-lo para Israel Adesanya em outubro de 2019, o neozelandês venceu Darren Till e Jared Cannonier nas últimas lutas, mas chegou a um impasse. Espera o nigeriano ou não? Dana White, presidente do UFC, tem a sua expectativa.

- Não acho que ele vai ter uma chance pelo título em breve. Ele terá que lutar com outra pessoa primeiro. Vai depender do que acontecer com Israel e Jan (Blachowicz). Vamos ver o que acontece - disse o chefão na semana passada, durante um programa na "ESPN americana" em que respondia a perguntas de fãs de MMA.

Em novembro, logo depois de ter vencido Jared Cannonier por decisão dos juízes, numa luta em que foi mais dominante que o rival, Whittaker garantiu que esperaria por Adesanya, ainda que ele enfrentasse o campeão meio-pesado (até 93kg) Jan Blachowicz. O UFC marcou o duelo entre campeão para o dia 6 de março, no UFC 259.

No dia seguinte à entrevista de Whittaker ao “MMA Junkie”, Paulo Borrachinha fez uma live em seu canal no YouTube e disse que seu objetivo era enfrentar o neozelandês na próxima luta, depois de ter perdido para Adesanya em setembro. E foi além: com a subida do nigeriano, esperava que o UFC fizesse o duelo com Whittaker pelo cinturão interino dos médios. Desde então, Borrachinha e sua equipe têm feito campanha pela luta.

Agora, resta saber se Whittaker se manterá firme à espera de Adesanya, ou a posição de Dana White o fará repensar uma luta com Borrachinha, ou outro adversário no peso-médio.


Fonte: Combate.com

Comentários (0)

Comentar

Destaques

ver blog →

McGregor ameaça cancelar trilogia com Poirier após bate-boca com americano

Holly Holm espera revanche com Miesha Tate no UFC: "Sempre gosto de vingar as derrotas"

Ultimate encaminha luta entre Amanda Ribas e Angela Hill para o mês de maio

Francis Ngannou, Adesanya e Kamaru Usman levam África ao topo do UFC