Nocaute

Jake Gyllenhaal: Conor McGregor acidentalmente “me socou no rosto”

Conor McGregor está fazendo sua estreia no cinema esta semana, com o lançamento do filme “Matador de Aluguel” (“Road House” […]

Jake Gyllenhaal: Conor McGregor acidentalmente "me socou no rosto"

Conor McGregor está fazendo sua estreia no cinema esta semana, com o lançamento do filme “Matador de Aluguel” (“Road House” no original em inglês), uma refilmagem de um longa metragem estrelado por Patrick Swayze em 1989. Na nova versão, o ator principal é o americano Jake Gyllenhaal, que interpreta um ex-lutador de MMA que vira segurança num bar na Flórida. McGregor faz o papel do vilão, e como tal, protagoniza cenas de luta contra o personagem de Gyllenhaal.

Em entrevista ao talk show “The Tonight Show With Jimmy Fallon”, o ator contou que, durante a produção, acabou sentindo acidentalmente o poder da mão do ex-campeão peso-pena e peso-leve do UFC.

– Por engano, ele me socou no rosto. A gente fazia um take em que estávamos lutando, lutando de mentira, e aí íamos ver no monitor como ficou, pra ver o que funcionou, e ele sempre foi ótimo comigo. Ele me mostrava, me dizia para fazer coisas, do tipo, “Vira a cabeça, se move um pouco mais desta forma”, pra tentar fazer parecer mais real. E era tarde, porque filmamos muitas dessas cenas de luta à noite. Então eram umas 3h da manhã, ele estava falando muito perto, e fez tipo, “É, esse gancho de esquerda está bom, e quando você fizer assim, boom (gesticula mostrando um soco falso)” e ele me acertou por engano! Eu fiquei “Oh!” (assustado) e ele ficou “Oh!” (preocupado) – revelou.

Para contracenar com um lutador de verdade, Jake Gyllenhaal teve que se preparar intensamente. Não só ele atuou com McGregor, como encenou uma pesagem e uma luta com o também ex-lutador e atualmente ator Jay Hieron, que foram filmados durante o UFC 285, em março de 2023. O protagonista afirmou que trabalhar com o “Notorious” foi algo que o animou sobre o projeto.

– Quando eu ouvi que ele ia fazer o filme, fiquei super empolgado, porque eles foram atrás dele por muito tempo para fazer o papel. Mas logo fiquei totalmente aterrorizado e pensei, “Deus, eu vou ter que fazer uma luta de mentira com esse cara e preciso parecer que eu consigo!” Eu me mantenho em forma muito boa, mas nós treinamos bem duro por dois meses, fazendo luta agarrada e muito MMA – disse Gyllenhaal.

 

 

 

 

 

 

Fonte: Combate

COMPARTILHE

Bombando em Nocaute

1

Nocaute

“Pensei que tinha apagado”, diz Charles do Bronx sobre Tsarukyan no UFC 300

2

Nocaute

UFC 300: Poatan nocauteia Jamahal Hill no primeiro round e pede vaga no UFC Rio

3

Nocaute

PFL: após “correria” em 2023, Bruno Robusto aposta no planejamento para faturar título

4

Nocaute

Patricky Pitbull sobre rival na estreia na PFL: “Espero que caia babando”

5

Nocaute

Jon Jones diz que agente antidoping inventou história sobre agressão