UFC

Khabib Nurmagomedov projeta aposentadoria e assegura: "Luto por mais dois ou três anos"

Invicto no MMA, campeão peso-leve do UFC, de 31 anos de idade, deve enfrentar o americano Tony Ferguson em sua próxima defesa de título: "É um bom adversário, muito duro e experiente".

Por

Campeão peso-leve do UFC, Khabib Nurmagomedov, invicto em seus 28 combates de MMA, não pretende entrar na galeria de atletas que estendem a carreira "até o corpo aguentar". Em entrevista ao “Arab News”, o lutador, de 31 anos de idade, indicou que pretende "pendurar as luvas" daqui a cerca de três anos.

- Acho que ainda luto por mais alguns anos, dois ou três, no máximo. Talvez dois anos. Não quero lutar a vida toda, porque sei que é muito duro. Conheço muitos jovens lutadores que estão chegando famintos, e também sei que me manter invicto e sendo o campeão é quase impossível. É impossível. Vocês podem pesquisar na história, e verem atletas não só do MMA, mas também do futebol, boxe e outros esportes. Um dia todos irão perder. É preciso saber a hora de parar. Acho que a minha será daqui a dois anos.

Ostentando uma invencibilidade de 28 lutas no MMA e com duas defesas de cinturão bem sucedidas, Khabib admite que começou a pensar no assunto há pouco tempo, mas parece ter convicção ao falar sobre o tema.

Após defender o título dos leves com sucesso diante de Dustin Poirier no UFC 242, Nurmagomedov deverá ter Tony Ferguson como seu próximo desafiante. O americano vem numa sequência de 12 vitórias, mas não parece tirar o sono do russo.

- Acho que ele é um bom adversário, muito duro e experiente. Acredito que o resultado seja o mesmo, se Allah quiser. Essa é a minha opinião. Nada mudou. Eles continuam me dando novos oponentes, com novos nomes, mas tudo ficará exatamente da mesma forma.

Fonte: Combate.com

Comentários (0)

Comentar

Destaques

ver blog →

Valentina Schevchenko defende cinturão dos pesos-moscas contra Katlyn Chookagian no UFC 247

Feliz pela vitória, triste pelo ídolo Renan Barão: o misto de emoções de Douglas D'Silva no UFC SP

Com lesão no quadril, Ben Askren anuncia segunda aposentadoria do MMA

Charles do Bronx: "Sou melhor que Khabib na trocação, e não tenho medo dele no chão"