Nocaute

“Pensei que tinha apagado”, diz Charles do Bronx sobre Tsarukyan no UFC 300

Charles do Bronx passou perto de encaixar uma finalização e vencer Arman Tsarukyan no último sábado, no UFC 300, em […]

"Pensei que tinha apagado", diz Charles do Bronx sobre Tsarukyan no UFC 300

Charles do Bronx passou perto de encaixar uma finalização e vencer Arman Tsarukyan no último sábado, no UFC 300, em Las Vegas. O armênio, no entanto, resistiu bravamente às tentativas do brasileiro e levou a melhor por decisão dividida. Em entrevista ao “Canal Encarada”, Do Bronx disse que pensou ter apagado o adversário com um triângulo de mão no terceiro round.

– 30 segundos (antes de acabar), (o golpe) estava muito justo, é uma das finalizações que eu mais gosto, que é o triângulo de mão. Pensei que ele tinha apagado, por isso que eu ainda brinquei, botei a língua para fora. Mas faz parte. É voltar de novo, não tem muito o que fazer – afirmou.

O brasileiro também lamentou não ter conseguido encaixar bem a guilhotina no primeiro round, outro momento em que passou muito perto de finalizar Tsarukyan.

– Tem coisa que não é para ser. Guilhotina, eu não perco essa posição. Arman foi um cara duríssimo. Conectei alguns golpes, tive momentos ruins, outros bons. Em três rounds, três finalizações encaixadas. Acho que não era para ser. É respirar, voltar para casa, para perto da família e lutar de novo.

Com o resultado, Arman Tsarukyan emendou três vitórias na divisão. Tsarukyan, atual número 4 do ranking, deve aparecer em primeiro lugar na próxima atualização, lugar que é do brasileiro. Agora, Tsarukyan espera ser o próximo desafiante ao cinturão do russo Islam Makhachev. Os dois já se enfrentaram em abril de 2019, quando o armeno foi chamado às pressas para a luta em que estrearia na organização. Makhachev venceu na decisão unânime. De lá para cá, Arman Tsarukyan venceu nove lutas e perdeu apenas uma.

Charles do Bronx, que perdeu a disputa pelo título com Makhachev em outubro de 2022, tinha voltado a lutar em junho do ano passado, quando bateu Beneil Dariush. Agora, com a derrota, terá que tentar refazer mais uma vez o caminho rumo a uma nova disputa de título.

 

 

 

 

 

Fonte: Combate

COMPARTILHE

Bombando em Nocaute

1

Nocaute

Chael Sonnen será o adversário de Anderson Silva em luta de boxe no Brasil

2

Nocaute

Bellator: disputa de cinturão entre Mix e Magomedov agita evento em Paris

3

Nocaute

Defesa de Devin Haney pede desclassificação de Ryan Garcia

4

Nocaute

Boxe: locutor anuncia vencedora errada e causa confusão no ringue

5

Nocaute

McGregor pode perder até R$ 110,8 milhões em processo movido por Lobov