UFC

Revanche entre Conor McGregor e Dustin Poirier é confirmada para o UFC 257, em 23 de janeiro

Evento acontece na Ilha da Luta e marcará retorno do irlandês após um ano parado.

Por

A revanche entre Conor McGregor e Dustin Poirier está fechada. Vai acontecer em 23 de janeiro de 2021, na luta principal do UFC 257, na Ilha da Luta de Abu Dhabi, e será disputada no peso-leve (até 70,3kg).

A notícia da data fechada foi dada inicialmente pelo site "MMA Fighting"; ao site "Espn.com", Dana White confirmou que Poirier já havia assinado o contrato e que o local seria a Ilha da Luta.

McGregor e Poirier se enfrentaram pela primeira vez em 2014, pelo peso-pena (até 65,8kg), e o irlandês venceu com um nocaute no primeiro round. Ele se tornaria campeão peso-pena no ano seguinte, mas os dois lutadores eventualmente subiriam ao peso-leve. McGregor foi campeão peso-leve entre 2016 e 2018, e Poirier conquistou o cinturão interino em 2019, mas seria derrotado por Khabib Nurmagomedov na unificação do título alguns meses depois.

Ambos os atletas vêm de vitórias. McGregor derrotou Donald Cerrone no início do ano, mas não lutou desde então e chegou a anunciar sua aposentadoria, frustrado com as negociações com o UFC para retornar ao octógono. Poirier venceu Dan Hooker em junho e logo começou a desafiar McGregor pelas redes sociais. O irlandês então propôs um combate de exibição, independente do Ultimate, com a renda voltada para a caridade, que o americano aceitou. Presidente da organização, Dana White entrou no circuito e fechou o combate entre eles para a programação do UFC.

Fonte: combate.com

Comentários (0)

Comentar

Em cumprimento à Legislação Eleitoral, o Portal ClickPB não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2020 se encerrarem.

Destaques

ver blog →

Curtis Blaydes menospreza Derrick Lewis: "Ele é previsível, só tem um golpe"

Deiveson Figueiredo revela mágoa com Brandon Moreno: "Não vejo nível nele. Vou nocautear"

Maurício Shogun prega respeito a Paul Craig, e garante: “Nunca estive tão bem no UFC”

Glorinha de Paula vence e assina com o UFC, contender series termina com 37 contratados