UFC

TJ Dillashaw aceita enfrentar José Aldo, mas só após title-shot

Ex-campeão dos pesos-galos do UFC é o primeiro da fila por uma chance de disputar o cinturão, mas elege brasileiro como primeiro adversário "depois de reconquistar meu cinturão".

Por

José Aldo já vinha pedindo uma luta contra o ex-campeão peso-galo TJ Dillashaw há um tempo, e ele aumentou o volume após vencer Pedro Munhoz no UFC 265, no início do mês. "Killashaw" gostou da ideia e declarou esta semana que está aberto a enfrentar o ex-campeão peso-pena... mas só depois que tiver uma oportunidade de reconquistar o cinturão do Ultimate.

Após passar dois anos suspenso por doping, o lutador americano retornou à ação em julho com uma vitória por pontos sobre Cory Sandhagen que o alavancou à posição de desafiante número 1. Dillashaw ainda terá de esperar pela revanche marcada para 30 de outubro entre Aljamain Sterling, atual campeão da divisão, e Petr Yan, seu antecessor. Como o ex-campeão está se recuperando de uma cirurgia no joelho, ele não tem pressa para lutar novamente, muito menos para arriscar sua posição.

- Sim, gostei desse desafio. Eu gostaria de enfrentar José Aldo. Ele é uma lenda do nosso esporte, e podemos fazê-lo depois de eu recuperar meu cinturão. Fui desafiado por todo lutador no top 5 com certeza, talvez do top 10, antes de eu voltar e enfrentar Sandhagen. Faz sentido. Eu sou o verdadeiro campeão da divisão e você está tentando construir seu nome nas minhas costas, pensando que estive fora por dois anos, que estou vindo com todo esse drama e não serei o mesmo lutador. Sandhagen cometeu este erro e agora ele teve que voltar pra trás na fila para lutar pelo título - afirmou Dillashaw em entrevista ao podcast "Submission Radio".

Caso fosse forçado a lutar mais uma vez antes de receber o title-shot, Dillashaw parece mais interessado em José Aldo do que em Rob Font, quarto colocado do ranking da categoria, à frente do brasileiro.

- Só o nome do Aldo já torna isso interessante, né? Eu adoraria essa luta. Talvez seja minha primeira luta como campeão, porque José Aldo é uma lenda no esporte. Lembro dele no WEC antes de eu sequer fazer minha primeira luta profissional. Ele estava enfrentando o Urijah (Faber) quando eu treinava lá (na equipe de Faber), então o cara está entre os melhroes do mundo há muito tempo. Seria uma luta irada - concluiu.

Fonte: Combate.com

Comentários (0)

Comentar

Destaques

ver blog →

"Homem mais forte do mundo" faz duelo de gigantes contra senegalês em outubro

Devin Clark fica com dentes destruídos após derrota para Cutelaba

Glover Teixeira prepara "camp perfeito" e destaca experiência em nova luta por cinturão

Israel Adesanya ironiza nome de Derek Brunson após desafio: "Vagabundo"