Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Brasil

Editoria sobre Brasil ir para editoria →

Veja vídeo

“Cidadão não, engenheiro civil”: Casal que atacou fiscais no Rio é criticado nas redes

“Não vai falar com seu chefe, não?”, questionou o homem. “A gente paga você, filho. O seu salário sai do meu bolso”, afirmou a mulher.

Por

Um trecho de uma reportagem do Fantástico, da TV Globo, sobre a fiscalização de aglomerações em bares do Rio de Janeiro viralizou nas redes sociais neste domingo (5). No vídeo, um casal sem máscara aparece discutindo com um fiscal da Vigilância Sanitária na noite de sábado (4).

“Não vai falar com seu chefe, não?”, questionou o homem. “A gente paga você, filho. O seu salário sai do meu bolso”, afirmou a mulher. 

“Cadê sua trena? Quero saber como você mediu sem trena”, ironizou o homem. O fiscal respondeu: “Tá, cidadão”, e a mulher rebateu: “Cidadão, não. Engenheiro civil, formado. Melhor do que você”.

A atitude repercutiu mal nas redes sociais e foi muito criticada por internautas.

LEIA MAIS: Mulher que atacou verbalmente fiscal da Vigilância Sanitária é demitida

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Em cumprimento à Legislação Eleitoral, o Portal ClickPB não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2020 se encerrarem.

Destaque

ir para editoria →

Governo de Jair Bolsonaro divulga informação falsa de que queimada no Brasil é a menor em 18 anos

Pesquisa Datafolha revela que 75% dos eleitores na cidade de São Paulo são contra volta das aulas pesenciais

Polícia Federal apreende 254 quilos de cocaína no Porto de Paranaguá

Em 12 meses, Câmara dos Deputados pagou R$ 690 mil a filhos de Flordelis