Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Brasil

Editoria sobre Brasil ir para editoria →

Determinação

Justiça determina que 21 sites excluam fake news sobre Jean Wyllys

As empresas terão 48h para cumprimento da medida, sob pena de multa de R$ 50 mil.

Os sites devem excluir as notícias de que Jean Wyllys teria ligação com Adélio Bispo (Foto: Agência Brasil)

Por

A 40ª Vara Cível do Rio determinou que o Google, o Yahoo! e a Microsoft excluam de suas plataformas 21 endereços de páginas responsáveis por espalhar notícias falsas  que ligam o ex-deputado federal Jean Wyllys a Adélio Bispo de Oliveira, autor da facada em Jair Bolsonaro durante a campanha eleitoral.  As empresas terão 48h para cumprimento da medida, sob pena de multa de R$ 50 mil.

Lembre o caso

O boato passou a circular nas redes sociais no final de abril após o ativista Luciano Carvalho de Sá afirmar em um vídeo em rede bolsonarista já ter conversado com Adélio. Logo após Luciano sugerir, sem provas, a conexão entre Wyllys e Bispo, o ativista não manteve a versão em depoimento à Polícia Federal.

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Em cumprimento à Legislação Eleitoral, o Portal ClickPB não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2020 se encerrarem.

Destaque

ir para editoria →

Eleições: candidatos agora só podem ser presos em flagrante

Feriado do dia 2 aumenta em 40% movimentação nos aeroportos do Brasil

Bolsa cai mais de 7% e tem pior semana desde março

Secom lança campanha que fala em interesses 'nem sempre claros sobre preservação da Amazônia'