Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Brasil

Editoria sobre Brasil ir para editoria →

Veja vídeo

Policiais e moradores comemoram prisão de Lázaro Barbosa

Após 20 dias de megaoperação com mais de 270 agentes o fugitivo foi morto em Águas Lindas de Goiás.

Por

Policiais e moradores comemoraram a prisão de Lázaro Barbosa, de 32 anos, nesta segunda-feira (28), em Goiás. Após 20 dias de uma megaoperação com mais de 270 policiais o fugitivo foi morto após ser baleado pela polícia. Policiais se abraçaram em comemoração.

Condenado por assassinatos e estupros, o fugitivo da Justiça era procurado por uma série de crimes na Bahia e em Goiás. Ele também é acusado da morte de quatro pessoas de uma família em Ceilândia, no Distrito Federal, e de um caseiro de uma fazenda no distrito de Girassol, em Goiás.

Moradores de Águas Lindas e de Cocalzinho de Goiás soltaram fogos em comemoração à captura de Lázaro.

As informações sobre a captura de Lázaro foi divulgada pelo governador de Goiás, Ronaldo Caiado.

"Acabo de receber neste momento uma informação de todas as equipes que estão na região de Cocalzinho que o Lázaro foi preso", disse o governador Ronaldo Caiado.

"Como eu disse, era questão de tempo até que a nossa polícia, a mais preparada do País, capturasse o assassino Lázaro Barbosa. Parabéns para as nossas forças de segurança. Vocês são motivo de muito orgulho para a nossa gente! Goiás não é Disneylândia de bandido", completou o governador.

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Governo Bolsonaro vê quebra de contrato e questiona Butantan sobre venda de Coronavac a estados

Três irmãos que recusaram vacina contra a Covid-19 morrem em intervalo de 8 dias em Santa Catarina

Ministério da Saúde recua e volta a liberar vacinação de adolescentes contra a Covid-19

STF seguirá firme na salvaguarda da democracia, diz Fux