Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Brasil

Editoria sobre Brasil ir para editoria →

Brasil

Prefeito eleito de Itaguaru, Didi Filgueira morre devido a complicações da Covid-19 um dia após eleição

Ele teve 53,90% dos votos válidos e derrotou Chitão, que ficou em segundo lugar com 44,07%. Família disse que ele apresentou uma piora no quadro de saúde durante o final de semana.

Edilson Filgueira, conhecido como Didi Filgueira, morreu devido a complicações da Covid-19. (Foto: Reprodução/TSE)

Por

O prefeito eleito de Itaguaru, Edilson Filgueira, conhecido como Didi Filgueira (PTB), morreu nesta segunda-feira (16) devido a complicações da Covid-19. Ele estava internado em um hospital de Goiânia tratando a doença. Segundo a família, ele teve uma piora no quadro de saúde no final de semana.

O secretário do PTB, Renato Marques, informou que a morte aconteceu nesta noite e que toda família e o partido estão abalados com a notícia.

Didi foi internado no dia 1º de outubro, após começar a apresentar os primeiros sintomas da Covid-19. Dias depois ele foi entubado e transferido para o UTI. No dia 30 de outubro, foi retirada a ventilação mecânica e ele apareceu em um vídeo com uma máquina de oxigênio fazendo sinal de positivo. Porém, o estado de saúde dele acabou se agravando novamente.

“Viemos fazer uma visita para informar sobre a vitória e os médicos nos informaram que de sábado para domingo ele teve uma pequena piora, mas que a piora persistiu”, disse a esposa dele, Darcimeire Fernandes, em um vídeo postado nas redes sociais nessa manhã.

Ainda não há informações sobre velório e sepultamento.

Didi teve 53,90% dos votos. Foram 2.368 votos no total. O candidato derrotou Chitão (PP), que ficou em segundo lugar com 44,07% (1.936 votos).

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Bolsonaro sanciona lei que estabelece a autonomia do Banco Central

Bolsonaro entrega MP para privatização da Eletrobras e contas de luz podem ficar mais caras

Bolsonaro reluta em antecipar 13º de aposentados sem aprovação de Orçamento no Congresso

STF arquiva inquérito contra senador Humberto Costa