Segurança

Vigilância Sanitária proíbe venda de qualquer pomada para cabelos em todo o Brasil após casos de intoxicação ocular

Ainda não há comprovação, pela Anvisa, da relação dos efeitos de cegueira com as pomadas de cabelo.

Vigilância Sanitária proíbe venda de qualquer pomada para cabelos em todo o Brasil após casos de intoxicação ocular

A pomada ÔmegaFix foi a primeira a ser citada nos relatos — Foto:Reprodução/Shutterstock

A vigilância Sanitária proibiu o uso de todas as pomadas para trançar, modelar ou fixar cabelos no Brasil. A decisão, assinada pela Gerente-geral de Inspeção e Fiscalização Sanitária substituta, Alessandra Paixão Dias, foi publicada no Diário Oficial da União. Segundo a publicação, a motivação são os relatos de eventos adversos graves relacionados a intoxicação ocular. 

Nenhum lote de qualquer desses produtos pode ser comercializado e não deve ser utilizado por consumidores e profissionais de beleza enquanto a norma estiver em vigor. A cidade do Rio de Janeiro foi a primeira a proibir as pomadas após serem divulgados alguns casos. 

Ainda não há comprovação, pela Anvisa, da relação dos efeitos de cegueira com as pomadas de cabelo. 

A suspensão é uma medida preventiva já que ainda não há comprovação de que os produtos tenham provocado os problemas.  Em nota oficial, a agência alerta que quem fez uso recente dos produtos, lavar o cabelo sempre lembrando de inclinar a cabeça para trás, para que o produto não entre em contato com os olhos. 

COMPARTILHE

Bombando em Brasil

1

Brasil

Famosa no Brasil, empresa paraibana de música é vendida para gravadora internacional; saiba qual

2

Brasil

Taxa cobrada por academias a personal trainer poderá ter valor reduzido

3

Brasil

VÍDEO: homem que destruiu carros com retroescavadeira em vaquejada bebeu antes de dirigir e só parou máquina após ser imobilizado

4

Brasil

Bolsonaro sugere conversar com chefe da Receita sobre investigação contra Flávio, mostra áudio

5

Brasil

Facção criminosa contratou pescadores para levar droga até navios em alto-mar