Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Cinema

Editoria sobre Cinema ir para editoria →

Cinema

Mulher-Maravilha 1984 estreia nos cinemas da Paraíba

Após diversos adiamentos devido a pandemia de Covid-19, o longa protagonizado por Gal Gadot se espalha nas salas de cinema.

Gal Gadot em 'Mulher-Maravilha 1984'. (Foto: Reprodução)

Por

Após meses de adiamentos, a aguardada continuação da jornada da Mulher-Maravilha chegou aos cinemas nesta quinta-feira (17), com a estreia de Mulher-Maravilha 1984. O desempenho do filme pode justificar mudanças drásticas no próprio negócio cinematográfico. Na Paraíba, o filme tem sessões dubladas nos principais cinemas de João Pessoa, Campina Grande e no Sertão  — confira todas as sessões aqui.

Não somente os fãs de super-heróis (que, após quase dez anos com uma média de quatro filmes de super-herói por ano), mas toda a indústria de cinema ficou com um pé atrás depois do resultado muito abaixo das expectativas do filme Tenet, de Christopher Nolan. 

Assim, Mulher-Maravilha 1984 surge como uma nova tentativa de trazer o público às telas de cinema — com vacinas anunciadas nos EUA, Europa e outros países, a indústria espera que o público volte a frequentar as salas de cinema, mesmo com todas as restrições e protocolos de segurança para prevenir o contágio da covid-19.

A estratégia é complicada: os cinemas estão fechados na Europa e, nos EUA, o filme chega aos cinemas ao mesmo tempo em que estreia no serviço de streaming HBO Max. 

É a partir do desempenho que o filme terá nas bilheterias da América Latina e Ásia que os estúdios vão decidir como serão os próximos lançamentos — inclusive se sequer vale a pena distribuir nos cinemas. 

A Disney cancelou o lançamento de diversos filmes aguardados para 2020, preferindo lançar diretamente no serviço de streaming exclusivo, Disney+.  Já a Warner Bros. chegou a anunciar que todos os seus lançamentos em 2021 serão feitos simultaneamente nos cinemas e no serviço de streaming HBO Max

Após o anúncio, diversos diretores criticaram a decisão, que abre um precedente que pode mudar completamente a forma como o cinema é produzido.

Mulher-Maravilha 1984 recebeu um grande apoio da crítica internacional, com aprovação de 88% no site Rotten Tomatoes (um dos principais sites de crítica de cinema especializada).

Muitos críticos elogiaram o filme apesar de seus problemas de roteiro, por considerar a importância da mensagem de otimismo e esperança. 

Confira a sinopse e o trailer abaixo:

Em plena Guerra Fria, a Mulher-Maravilha (Gal Gadot) enfrenta o empresário de mídia Maxwell Lord (Pedro Pascal) e a amiga Barbara Minerva (Kristen Wiig), que se transforma na vilã Cheetah — enquanto tem um emocionante reencontro com seu interesse amoroso Steve Trevor (Chris Pine).

Mulher-Maravilha 1984 tem direção de Patty Jenkins.


Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

'Deserto Particular', representante brasileiro ao Oscar 2022, estará na próxima edição do Fest Aruanda

Filmes de 2022 têm estreias adiadas: veja novo calendário da Marvel e da Disney

Aplicativo de João Pessoa oferece 50% de desconto no cinema todos os dias

'Deserto particular' é indicado pelo Brasil para disputar vaga no Oscar 2022