Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Cotidiano

Editoria sobre Cotidiano ir para editoria →

Inusitado

Brasileiro funcionário 'mais antigo do mundo' faz 100 anos com festa em Santa Catarina

Funcionário na mesma empresa há 84 anos, ele conquistou o título de carreira mais longa do mundo pelo Guinness World Records em 2018.

Walter Orthmann, 100, de Brusque (SC), com o certificado do Guinnes Book de funcionário mais antigo do mundo - (Foto: Bárbara Sales/O Município)

Por

FLORIANÓPOLIS, SC (FOLHAPRESS) — O município de Brusque, em Santa Catarina, fez festa nesta semana para comemorar os cem anos de um de seus cidadãos mais ilustres, Walter Orthmann. Funcionário na mesma empresa há 84 anos, ele conquistou o título de carreira mais longa do mundo pelo Guinness World Records em 2018.

Orthmann, contudo, não se deu por satisfeito e bateu o próprio recorde neste ano, ao completar seu centenário.

Para chegar aos cem, segundo ele, o segredo é cuidar da saúde e da alimentação. Por isso, diariamente faz atividades físicas e a cada quatro meses passa por uma bateria de exames médicos.

Ele também foi a primeira pessoa a ser vacinada contra a Covid-19 em Brusque. "Não é fácil. Para estar aqui hoje, precisei me preparar", disse o diretor comercial ao receber seus mais de 700 convidados durante sua festa de aniversário.

Todos os dias, Orthmann dirige até a empresa e trabalha como gerente comercial, orientando os funcionários mais jovens e acompanhando as vendas. Para ele, todo mundo precisa de um propósito para se manter ativo. "Se as pessoas não têm um motivo para se levantar da cama, elas não vivem", diz.

Para permanecer tanto tempo numa mesma empresa, ele dá algumas dicas. "É preciso focar no que o cliente precisa, ter honestidade, comprometimento e trabalhar com verdade", conta. "Minha maior alegria é esta, viver com saúde e continuar trabalhando com vendas, função que executo há 60 anos", diz.

Por ter testemunhado a modernização da empresa em diferentes etapas e cultivados vínculos ao longo dos anos, muitos dos negócios só são fechados com o seu atendimento.

"O trabalho dele é muito importante para a empresa, ele é ativo, conhece os clientes, sabe dos números", conta Yago Gomes, assistente de marketing que trabalha diretamente com Orthmann.

O primeiro dia de trabalho formal de Orthmann foi em 17 de janeiro de 1938, data anterior à existência da CLT, criada cinco anos depois, durante o governo de Getúlio Vargas.

Desde quando começou a trabalhar na empresa, ele já recebeu seu salário em oito moedas diferentes.

Seu cargo inicialmente era de assistente de expedição nas Indústrias Renaux S.A, hoje RenauxView, uma das empresas mais antigas de Brusque, forte polo têxtil no país.

Depois, tornou-se office boy, em seguida assistente administrativo até chegar ao posto de gerente de vendas, sua função atual.

Em 2018, segunda vez que recebeu o título do Guinness, ele chegou a se reunir com o então presidente Michel Temer (MDB) em Brasília, ano em que também recebeu do Tribunal Superior do Trabalho a comenda da ordem do Mérito Judiciário do Trabalho.

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Uber concorda com piso salarial para motoristas e entregadores na Austrália

Preconceito afeta produção de dados sobre LGBTI+

Bolsonaro sanciona projeto que prevê devolução de tributos e redução no valor da conta de luz

Avianca é condenada a pagar R$ 8 mil de indenização a passageira por falha em assistência após atraso em voo para João Pessoa