Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Cotidiano

Editoria sobre Cotidiano ir para editoria →

Luto

Com a mãe internada com Covid-19, humorista lamenta morte de amigo pela doença

Jonathan Nemer usou as redes sociais para lamentar a morte de Ruben Mukama.

O amigo do humorista não resistiu após complicações provocadas pela covid-19. (Foto: Reprodução/Instagram)

Por

Jonathan Nemer usou as redes sociais para lamentar a morte de Ruben Mukama. O amigo do humorista não resistiu após complicações provocadas pela covid-19. De acordo com o artista, que também vive um momento difícil com a mãe internada na UTI por conta da mesma doença, o empresário vinha acompanhando de perto o drama familiar dele desde março.

"Ah, meu amigo, não acredito que você se foi. Quem diria. Você acompanhou toda trajetória da minha mãe desde o início de março, e depois acabou pegando e se foi. Pior que me pegou de surpresa. Nem sabia que estava com covid. Que doença mald***. Sou muito grato a Deus pela sua vida, você sempre teve minha admiração", escreveu Nemer, no Instagram. 

"Obrigado por sempre me incentivar, me encorajar e como você mesmo dizia, me admirar. Nos veremos novamente na eternidade, e lá não haverá covid. Love you, Ruben Mukama. Oremos para que Deus conforte sua esposa e sua filha", completou. 

É a segunda morte que o comediante lamenta em menos de uma semana. No dia 1º, Nemer usou a web para falar sobre a partida da mãe de uma amiga, vítima da doença sistêmica. No post, Jonathan fez um novo alerta sobre o vírus e ainda lembrou os seguidores que sua mãe, Sara Nemer, segue internada há quase dois meses tratando complicações da doença.

"Hoje meu coração sangra pela minha irmã e amiga Marcela Tais. Sua mãe estava na mesma luta que a minha e hoje o Senhor a recolheu para Si. Meu coração sangra porque as amo, porque estamos na mesma luta, porque se trata das pessoas mais importantes de nossas vidas", escreveu. 


Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Arma cenográfica de Alec Baldwin tinha munição, de acordo com a polícia

Ciro Gomes diz que participa de construção ampla com Alckmin, Datena e Kassab em São Paulo

Repórter parabeniza GloboNews e é demitido no mesmo dia

Brigitte Bardot é multada por insultos racistas