Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Cultura

Editoria sobre Cultura ir para editoria →

Espetáculo

Encerramento de 'Casa do Julgamento' terá 30 sessões neste sábado

O espetáculo, que aborda a temática sobre ‘Abuso’, promove também ações da campanha de conscientização

A previsão é que a cada 15 minutos inicia-se uma nova sessão, possibilitando a interatividade do público e a exibição do espetáculo durante toda tarde e noite deste sábado. (Foto: Reprodução)

Por

O encerramento do espetáculo Casa do Julgamento, que começa mais cedo neste sábado (14) terá 30 sessões. As exibições começam a partir das 15h no Centro de Convenções Cidade Viva, no bairro Aeroclube, em João Pessoa. 

O espetáculo, que aborda a temática sobre ‘Abuso’, promove também ações da campanha de conscientização com a divulgação do número ‘100 do Disque Denúncia’, vem sensibilizando centenas de pessoas diariamente com um enfoque diferenciado sobre a problemática que está cada vez mais presente na sociedade.    

A edição de 2018 da Casa do Julgamento é realizada pela seguindo ano pela parceria da Cia. de Teatro Abner e Cidade Viva. Já assistido por mais de 100 mil pessoas, a montagem reúne novamente cerca de 400 pessoas, entre elenco e as áreas do marketing, da produção, da bilheteria, segurança e recepção e de voluntários da Cidade Viva.

A autoria texto da peça teatral interativa sobre o tema “abuso” sexual contra crianças é do diretor teatral Aldo Galdino, do pastor e líder de jovens da Cidade Viva, Thiago Dutra, da cineasta Lúcia Magalhaes e de uma comissão de psicólogas. 

“A escolha do tema da Casa do Julgamento 2018 sobre ‘Abuso’, além de ser muito presente na sociedade atual, é também decorrente de depoimentos de pessoas que assistiram a Casa do Julgamento na edição do ano passado, quando tratou da temática do ‘Suicídio’. Algumas pessoas que assistiram a Casa do Julgamento revelaram que muitas tentativas de suicídio e de atos de suicídio foram de pessoas que haviam sofrido também abuso, daí a importância de expor a problemática de forma mais reflexiva, ampla e com a participação do público durante o espetáculo deste ano para a sociedade paraibana”, declarou o diretor Aldo Galdino.

Trazer luz sobre a temática – “O Abuso causa transtornos gigantescos à família. Mais do que ser um espetáculo, temos o objetivo de mudar essa situação trazendo luz por meio da arte”, declara o diretor da Cia Abner e do Espetáculo da Casa do Julgamento, Aldo Galdino, acrescentando que “a luz da orientação bíblica, o projeto visa apresentar que cada pessoa pode ultrapassar sua dor e viver bem. Diante de uma história impactante e realista, a plateia é desafiada a tomar decisões a cada momento com a intrigante pergunta: Como você agiria hoje se soubesse qual o seu destino após a morte?", finaliza Aldo.

Durante o espetáculo, o público é acompanhado por um "Guia", uma espécie de narrador que introduz e arremata a história antes e depois de cada uma das sete cenas. Em cada recinto, por causa da proximidade com a cena e a possibilidade de interatividade, o público sente e vive intensamente o dilema de cada personagem com cenas que emocionam e, ao mesmo tempo, sensibilizam as pessoas, como forma de propiciar uma reflexão mais ampla sobre a temática do abuso e as principais decisões da vida.

Horário e dias do espetáculo – O espetáculo terá sessões a cada 15 minutos a partir das 19h e seguem até às 23h. No sábado (14), as sessões começam mais cedo às 16h e se estendem após a meia noite. Haverá ainda duas sessões com intérprete de libras nas quintas e sextas (19h e 20h) e três sessões aos sábados (17h, 18h e 20h).

Os ingressos custam R$ 15 + 1 kg de Alimento + 1 produto de higiene pessoal para cada ingresso adquirido. As doações serão revertidas para as obras sociais da Cidade Viva em João Pessoa e no Sertão paraibano. Os ingressos poderão ser comprados por meio do Sympla com 24 horas de antecedência por este link no valor de R$ 15 + 1 kg de Alimento + 1 produto de higiene pessoal para cada ingresso. As doações serão revertidas para as obras sociais da Cidade Viva em João Pessoa e no Sertão paraibano. Outra opção de compra de ingresso é antes do espetáculo com a bilheteria montada, no Centro de Convenções.

Sessões a cada 15 minutos – Para cada sessão do espetáculo, é formado um pequeno grupo de pessoas que assiste navegando pelos diversos cenários da trama com mobilidade do público. A previsão é que a cada 15 minutos inicia-se uma nova sessão, possibilitando a interatividade do público e a exibição do espetáculo durante toda tarde e noite deste sábado.

Acompanhe mais notícias do ClickPB nas redes sociais:
 FacebookTwitterYoutube e Instagram
Entre em contato com a redação do ClickPB: 
Telefone: (83) 99624-4847
WhatsApp: (83) 99624-4847
E-mail: redacao@clickpb.com.br


Compartilhe:

Destaque

ir para editoria →

Black Eyed Peas e Pink vão tocar no Rock in Rio 2019

Orquestra de Violoncelos da UFPB inaugura espaço de artes plásticas no Conde

Shuri, irmã do Pantera Negra, ganha sua própria série de quadrinhos

Pólvora Cultural tem bandas Flávio e Madalena Momog neste domingo