Consumo

51% dos brasileiros já compraram um presente para o Dia dos Namorados mesmo com dificuldades financeiras

Data mais romântica do calendário, o Dia dos Namorados é uma das celebrações que mais movimentam o comércio

51% dos brasileiros já compraram um presente para o Dia dos Namorados mesmo com dificuldades financeiras

O Dia dos Namorados é uma das celebrações que mais movimentam o comércio e estimulam um comportamento diferenciado dos casais, como revela pesquisa da Serasa.

Segundo o estudo, que analisa o perfil de consumo dos brasileiros nesta época do ano, 51% dos brasileiros já compraram um presente para o Dia dos Namorados mesmo com dificuldades financeiras. Nesse cenário, 32% afirmam que já se endividaram por conta de um parceiro, entre namorados, maridos, esposas e ficantes.

Em relação ao planejamento para a data, 55% das pessoas têm a intenção de comprar presente de Dia dos Namorados para alguém, e 9 em cada 10 deles ainda não realizaram a compra, que deve ser feita pouco antes do dia. Apesar disso, 55% deles não se planejam financeiramente para a celebração.

“O 12 de Junho já se tornou uma das datas mais importantes para o comércio, fazendo parte do calendário das lojas e dos consumidores”, afirma Clara Aguiar, especialista em educação financeira da Serasa. “Em épocas como esta, a organização pode fazer a diferença para que os casais não sejam surpreendidos com a fatura no mês seguinte”.

A escolha do presente

De acordo com o levantamento, realizado em conjunto com o Instituto Opinion Box, 26% dos consumidores pretendem comprar roupas ou peças do vestuário, seguido por perfumes (22%), um presente simbólico (16%), uma refeição comemorativa (15%) e equipamentos eletrônicos (14%).

Happy couple on summer evening having romantic dinner.

Sobre as despesas, 52% dos entrevistados pretendem gastar até R$200,00, sendo que esse gasto representa até 5% da renda mensal de 45% dessas pessoas. Em relação à forma de pagamento desses presentes, 36% afirmam que devem comprar o presente parcelado no cartão de crédito e 21% pelo PIX.

“O parcelamento pode ser uma boa alternativa para a organização financeira, quando adotado com planejamento e consciência”, afirma Clara. Para evitar que isso aconteça, a especialista reforça a importância da organização financeira, por meio de planilhas, a fim de controlar todos os gastos, organizar todos os valores e, consequentemente, evitar uma bola de neve.

Metodologia

Realizado em parceria com o Instituto Opinion Box, o levantamento ouviu 1.732 pessoas, entre os dias 17 e 21 de maio de 2024.

Para saber mais e conferir a pesquisa completa, acesse: clique aqui.

COMPARTILHE

Bombando em Economia

1

Economia

Dia dos Pais: presidente da Fecomércio projeta “crescimento natural nas vendas” para a data comemorativa na Paraíba

2

Economia

Maioria dos deputados da Paraíba votam a favor da anistia das dívidas a partidos políticos; apenas um vota contra

3

Economia

Sindalcool confirma aumento no preço do etanol na Paraíba e cita entressafra como principal fator

4

Economia

Aumento da gasolina: Procon fiscaliza quase 40 postos de combustíveis em João Pessoa e outras 10 cidades

5

Economia

Sem livre acesso, academias cobram taxas que superam os R$ 200 a ‘personal trainers’ e fazem até venda casada em João Pessoa