Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Economia

Editoria sobre Economia ir para editoria →

Economia

​Dólar opera em alta e passa de R$ 4,43 e bolsa chega a cair mais de 6%​

Para quem vai viajar e precisa comprar moeda em corretoras de câmbio, o valor é bem mais alto.

As preocupações com a disseminação do novo coronavírus no Brasil também atingiram o principal índice da bolsa de valores de São Paulo, que mostrava forte queda nos primeiros negócios desta quarta-feira. (Foto: Reprodução)

Por

O dólar comercial abriu o dia de hoje sendo vendido por R$ 4,41. Por volta das 13h37, a moeda norte-americana tinha alta de 0,54% na venda.

No mesmo horário, o Ibovespa, principal índice da Bolsa brasileira, despencava 4,94%, a 108.069,63 pontos.

O valor do dólar divulgado diariamente pela imprensa, inclusive o UOL, refere-se ao dólar comercial. Para quem vai viajar e precisa comprar moeda em corretoras de câmbio, o valor é bem mais alto.

Após o Carnaval, o dólar começou a primeira sessão da semana em alta, renovando máxima histórica acima de R$ 4,41 reais, em meio a temores dos investidores sobre a covid-19 (doença causada pelo novo coronavírus) depois que o Brasil confirmou seu primeiro caso.

mesmo após o Banco Central anunciar dois leilões de swap tradicional extraordinários,

O BC (Banco Central) anunciou oferta nesta sessão, entre 13h30 e 13h40, até 10 mil contratos de dólar no mercado futuro (swap tradicional), com vencimento em agosto, outubro e dezembro de 2020. Amanhã, o BC colocará à venda mais 20 mil contratos, com o objetivo de conter a alta da moeda norte-americana.

Nesta quarta-feira (26), bolsas mundiais voltaram a cair, temendo impactos da covid-19 na economia. Os índices europeus caíram para uma mínima em quase quatro meses.

Aéreas e bancos têm maiores baixas

As preocupações com a disseminação do novo coronavírus no Brasil também atingiram o principal índice da bolsa de valores de São Paulo, que mostrava forte queda nos primeiros negócios desta quarta-feira.

O Ibovespa ampliou a queda com todas as ações do índice operando no vermelho e com as perdas lideradas por Gol Linhas Aéreas Inteligentes (GOLL4.SA) e Azul (AZUL4.SA), que recuavam mais de 9% cada.

Entre as ações com maior participação no Ibovespa, Itaú Unibanco (ITUB4.SA) operava em baixa de 4,10%, enquanto Bradesco (BBDC4.SA) tinha perda de 3,52%.


Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Em cumprimento à Legislação Eleitoral, o Portal ClickPB não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2020 se encerrarem.

Destaque

ir para editoria →

CMN flexibiliza regras para crédito rural a pequenos produtores

Acumulada, Mega-Sena sorteia neste sábado prêmio de R$ 38 milhões

Bolsa tem terceira semana seguida de alta pela 1ª vez desde julho

715 mil domicílios da Paraíba têm pessoas que receberam auxílio emergencial ou complementação salarial do Governo Federal