Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Economia

Editoria sobre Economia ir para editoria →

Janguiê Diniz

Paraibano fundador da faculdade Maurício de Nassau arremata mansão do Banco Santos por R$ 27,5 milhões

O imóvel foi a leilão nessa terça-feira (18) por fazer parte da massa falida do Banco Santos, o qual passou por intervenção do Banco Central no ano de 2014, consequente de um rombo bilionário.

Janguiê Diniz deve transformar a mansão em uma escola de ensino básico, com turmas do infantil ao nível médio. (Foto: Divulgação/Redes Sociais Janguiê Diniz)

Por

O empresário paraibano Janguiê Diniz arrematou pelo valor de R$ 27,5 milhões a mansão do ex-banqueiro Edemar Cid Ferreira. O imóvel foi a leilão nessa terça-feira (18) por fazer parte da massa falida do Banco Santos, o qual passou por intervenção do Banco Central no ano de 2014, consequente de um rombo bilionário.

Janguiê é natural do município de Santana dos Garrotes, no Vale do Piancó, Sertão da Paraíba, e é fundador da faculdade Maurício de Nassau, atualmente com unidades em João Pessoa e Campina Grande.

A mansão é avaliada em R$ 78 milhões, e o lance mínimo no leilão era de R$ 10 milhões. O imóvel está localizado no bairro do Morumbi, em São Paulo.

O paraibano deve transformar a mansão em uma escola de ensino básico, com turmas do infantil ao nível médio. A instituição terá foco na criatividade, inovação e empreendedorismo, como a Ad Astra School, desenvolvida por Elon Musk, fundador, CEO e CTO da SpaceX e também CEO da Tesla Motors.


Conheça a história de Janguiê Diniz, segundo relato do site do empresário paraibano


Da infância pobre e rural em pequenas cidades do interior que, na época,  sequer apareciam  no mapa do país,  vieram a vontade incansável de vencer na vida. “Apenas através da educação é que o Brasil dará o salto em desenvolvimento”, esta é a frase inspiradora de Janguiê Diniz, empreendedor que figurou na lista da Forbes, mestre e doutor em Direito e fundador do grupo Ser Educacional, o maior grupo de educação do Norte e Nordeste e um dos maiores do país.

José Janguiê Bezerra Diniz nasceu no distrito de Santana dos Garrotes, na Paraíba. Aos seis anos, sua família deixou o Sertão paraibano e seguiu para o município de Naviraí, no Mato Grosso do Sul. Aos 8 anos, montou seu primeiro “empreendimento”: uma caixa de engraxate. Pouco depois, trocou a graxa nos sapatos, pela venda de laranjas, depois de picolés de porta em porta. Até que seus pais decidiram mais uma vez mudar de região. Seguiram para Pimenta Bueno, em Rondônia. Quando terminou o ensino fundamental, antigo primeiro grau aos 14 anos, Janguiê se deparou com uma encruzilhada: não havia 2º grau, hoje ensino médio,  em Pimenta Bueno e para continuar estudando, seguiu para o Recife, onde procuraria um tio que nunca conhecera, mas que logo se tornaria um segundo pai. Ganhou um emprego como datilógrafo e um lugar para morar.

A trajetória de vida de Janguiê foi baseada na educação. Trabalhava de dia e estudava a noite. Prestou vestibular para Direito em 1983 e foi aprovado na UFPE. A experiência no escritório de advocacia do tio fez com que, ainda no 4º ano do curso, já tivesse montado uma empresa de cobranças com 30 funcionários. Em 1992, tornou-se, por concurso público,  Juiz Federal do Trabalho do TRT 6ª Região. Nesta época, já havia se formado em Letras na Unicap e era professor  na Faculdade de Direito de Olinda. Em 1993, para não ter que ir morar no interior, resolveu pedir exoneração o cargo de Juiz de trabalho, vindo a passar  no concurso público para Procurador do Trabalho do Ministério Público da União e no de professor efetivo da Faculdade de Direito do Recife – UFPE.

Em 1994 fundou o Bureau Jurídico, um dos cursos preparatórios para concursos públicos de maior sucesso na região e que obteve altos índices de aprovação, atraindo alunos de todo o país. No mesmo ano,  convidando grandes nomes do país e do mundo como palestrantes,  começou a investir na realização de congressos nacionais e internacionais na área jurídica, chegando a reunir num único evento,  mais de 7 mil participantes.  Em 1998, fundou o BJ Colégio e Curso,  atualmente Escola Conecta e que oferece turmas da Educação Infantil ao Pré-Vestibular. Em 2003, criou, no Recife, a Faculdade Maurício de Nassau, mantida pelo Grupo Ser Educacional. Hoje, o Grupo é um dos maiores do Brasil, atendendo mais de 160 mil alunos em mais de 60 unidades distribuídas por todos os estados da Federação, contando com mais de 11 mil colaboradores. Janguiê Diniz já tem 21 livros publicados, entre eles sua autobiografia, intitulada “Transformando sonhos em realidade – a trajetória do ex-engraxate que chegou à lista da Forbes”, Fabrica de Vencedores – Aprendendo a Ser um Gigante, Passos para o Sucesso, A Arte de Empreender e  Axiomas da Prosperidade.

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Governo planeja liberar demissão de até 50% dos funcionários em programa de crédito para empresas

Renegociações de dívidas com bancos quase quintuplicam em menos de dois meses

Analistas do mercado estimam tombo de 6,25% para o PIB em 2020

Dólar é cotado a R$ 5,3364 nesta segunda-feira