Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Economia

Editoria sobre Economia ir para editoria →

Economia

Saque-aniversário do FGTS já está disponível; confira o calendário

Os primeiros beneficiados são cerca de 530 mil nascidos entre os meses de janeiro e fevereiro, que receberão R$ 896,4 milhões

Ao todo, mais de 530 mil pessoas receberão um montante superior a R$ 896,4 milhões, segundo a Caixa Econômica Federal. (Foto: Reprodução)

Por

Começou na última quarta feira (1) o pagamento do saque-aniversário do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), que permite uma retirada anual de parte do saldo das contas ativas ou inativas.

Os primeiros beneficiados são para os nascidos entre os meses de janeiro e fevereiro. Ao todo, mais de 530 mil pessoas receberão um montante superior a R$ 896,4 milhões, segundo a Caixa Econômica Federal.

Por conta da pandemia do coronavírus, a Caixa liberou um aplicativo, o “App FGTS”, para quem optar em receber o dinheiro direto na conta corrente de qualquer banco. O prazo para aderir ao saque-aniversário em 2020 termina sempre no último dia útil do mês de nascimento do trabalhador. Porém, quem fizer o cadastro este ano só vai receber as parcelas a partir de 2021.


Como funciona o saque-aniversário?

A migração para a modalidade é opcional e deve ser informada à Caixa. Ao optar pelo benefício, o trabalhador deve escolher a data para que valor esteja disponível no 1º ou 10º dia do mês de aniversário. Caso o trabalhador escolha receber no 10º dia, ele estará sujeito aos juros e atualização monetária sobre o mês do saque.

Se aderir a modalidade, o trabalhador também perde o direito de sacar o valor integral dos depósitos se for demitido, mas o acesso à multa rescisória de 40% do valor pago pelo empregador caso a demissão seja sem justa causa permanece igual. Além disso, o saque por aposentadoria ou doença grave também não são bloqueados.

Para aderir ao saque aniversário, o trabalhador deve acessar o App FGTS ou o site da Caixa, e clicar em Meu FGTS, abrir a tela Saque-Aniversário e concordar com os termos e clicar em Aderir ao Saque-Aniversário. 

O resgate segue outras datas e se o valor não for retirado dentro do prazo, o valor volta ao fundo.

Qual o valor o trabalhador vai receber?

O valor varia conforme o saldo de cada conta. Além de um percentual, o trabalhador recebe um adicional fixo, conforme o total na conta. Com sete faixas de pagamento, eles vão de 5% do valor total até 50% e a parcela adicional pode chegar até R$ 2.900.

Confira a tabela das faixas do saque-aniversário, com % que pode ser sacado e valor da parcela adicional:

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

'A gente vai sair junto', diz Bolsonaro sobre Guedes

Mercado prevê maior salto da taxa de juros em 21 anos com teto de gasto sob risco

Paulo Guedes: 'Em nenhum momento eu pedi demissão, em nenhum momento o presidente insinuou'

Bolsa recua 3,4% com especulação sobre Guedes; dólar sobe a R$ 5,72