Economia

Tribunal de Contas impõe débito de R$ 738 mil a prefeito de Cacimba de Areia por gastos públicos não comprovados

Prefeito não comprovou as despesas atinentes à aquisição de materiais de construção junto a empresas diversas.

Tribunal de Contas impõe débito de R$ 738 mil a prefeito de Cacimba de Areia por gastos públicos não comprovados

A 2ª Câmara do Tribunal de Contas da Paraíba, reunida na manhã desta terça-feira (6), impôs ao prefeito de Cacimba de Areia, Paulo Rogério de Lira Campos, o débito conjunto de R$ 738.961,65, em decorrência da não comprovação documental de despesas atinentes à aquisição de materiais de construção junto a empresas diversas.

De acordo com o TCE, o gestor deverá arcar com uma multa cumulativa de R$ 10 mil, conforme propôs o conselheiro substituto Oscar Mamede Santiago Melo, relator dos Processos 09280/22 e 09276/22 que tratam da matéria.

Ainda segundo a decisão, o gestor ainda dispõe da oportunidade da comprovação documental desses gastos, em fase de recurso.

COMPARTILHE

Bombando em Economia

1

Economia

BRAISCOMPANY: Antônio Neto e Fabrícia Ais são presos na Argentina, após mais de um ano foragidos

2

Economia

Receita Federal paga hoje R$ 304 milhões de restituição em lote residual do Imposto de Renda

3

Economia

Paraíba é o melhor Estado do Nordeste e 3º do Brasil na relação receita versus despesa

4

Economia

Desemprego volta a subir em janeiro e atinge 8,3 milhões de brasileiros

5

Economia

Começam hoje as inscrições para concurso da Caixa com quase 40 vagas na Paraíba e salários de até R$ 11 mil