Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Educação

Editoria sobre Educação ir para editoria →

Retomada

Aulas presenciais de escolas estaduais retornam de forma híbrida a partir desta quinta-feira na Paraíba

O retorno acontece de acordo com o Plano Educação para Todos em Tempos de Pandemia (PET-PB).

As escolas estão preparadas e seguirão os protocolos de segurança para a prevenção da Covid-19. (Foto: Reprodução)

Por

As escolas da rede estadual retomam de forma híbrida as atividades presenciais a partir desta quinta-feira (23), na Paraíba. O retorno acontece de acordo com o Plano Educação para Todos em Tempos de Pandemia (PET-PB).

As escolas terão 70% de aulas remotas e 30% de aulas presenciais e o processo será dividido três em fases: a primeira será com os estudantes da Educação Infantil e do 1º ao 5º ano dos Anos Iniciais do Ensino Fundamental; após 15 dias, retornam os estudantes dos Anos Finais; e com mais 15 dias voltam os estudantes do Ensino Médio e da Educação de Jovens e Adultos. Nesta primeira fase, 139 das 668 escolas da Rede retornam ao presencial.

De acordo com o secretário de Estado da Educação e da Ciência e Tecnologia, Claudio Furtado, mais de 97% dos profissionais de educação na Paraíba já receberam, pelo menos, a primeira dose da vacina contra covid-19. "Boa parte desses profissionais que vão voltar a dar aulas dos anos iniciais do Ensino Fundamental já tomaram a segunda dose, porque eles seguiram os cronogramas de vacinação dos municípios que, geralmente, os consideraram como prioritários. Então, isso dá uma segurança também pelo processo de vacinação dos adolescentes, que já se iniciou em muitas cidades", disse ao ClickPB.

Protocolos e Inquérito Sorológico - As turmas serão organizadas respeitando os protocolos sanitários e o distanciamento social,  com capacidade máxima de 50% dos estudantes em cada sala de aula, um grupo acompanhando presencialmente e outro com atividades remotas. Serão dois dias de aulas presenciais, com três horas diárias e três dias de aulas remotas.

As escolas estão preparadas e seguirão os protocolos de segurança para a prevenção da Covid-19. Na entrada haverá a aferição de temperatura dos estudantes e  a higienização com álcool em gel. Os estudantes devem estar com máscara e os espaços físicos foram readequados para garantir o distanciamento mínimo de 1,5 metros. 

Durante o retorno serão realizados inquéritos sorológicos pelo Projeto de Pesquisa “Continuar cuidando – Observatório da Covid-19”, uma ação da Secretaria de Estado da Saúde em parceria com a Universidade Estadual da Paraíba e Secretaria de Estado da Educação da Ciência e Tecnologia para a realização de teste de Covid-19 dentro das escolas. 

PDDE Emergencial Paraíba - A decisão do retorno deve-se ao novo cenário de controle da pandemia. E para apoiar as escolas nesse retorno, o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Educação e da Ciência e Tecnologia disponibilizou o ‘PDDE Emergencial Paraíba - Programa Dinheiro Direto na Escola’, para transferência de recursos financeiros para as escolas da Rede Estadual de Ensino, e auxiliar nas adequações necessárias, segundo protocolo de segurança para retorno às atividades presenciais, no contexto da situação de calamidade provocada pela pandemia da Covid-19.

O Programa tem como objetivo investir na melhoria dos aspectos físicos e pedagógicos dos estabelecimentos de ensino, possibilitando a adequação das estruturas e aquisição dos materiais necessários para garantir a implementação dos protocolos de segurança no combate e prevenção à COVID, conforme Decreto 41.010/2021. 

No mês de agosto, as escolas fizeram uma reunião envolvendo pais e toda comunidade escolar para decidirem a divisão do recurso financeiro do PDDE, que será destinado à cobertura de despesas de custeio na aquisição de itens de consumo para higienização do ambiente e das mãos, assim como para a compra de Equipamentos de Proteção Individual, com o objetivo de prevenir o contágio dos profissionais da escola, bem como dos alunos neste momento de pandemia, dentre outros serviços e projetos  voltados à recuperação da aprendizagem.  

Também foi realizada uma escuta pública de forma virtual direcionada para pais e os demais profissionais da educação, com o objetivo de verificar a adesão ao ensino híbrido. 

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

UFPB publica portaria estabelecendo retorno dos trabalhos presenciais de servidores até o final de outubro

Secretária diz que ainda há professores em João Pessoa que não se vacinaram contra Covid-19 e serão chamados para conversa

Secretária diz que obras inacabadas nas escolas municipais atrapalharam retomada do ensino presencial em João Pessoa

Procon inicia nesta sexta inscrição dos alunos da Rede Pública Municipal para curso em Direito do Consumidor em João Pessoa