Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Educação

Editoria sobre Educação ir para editoria →

Educação

Professores Isac e Regina registram chapa “UFPB em primeiro lugar” para reitor e vice

A consulta prévia junto à comunidade universitária vai subsidiar a elaboração de lista tríplice para a escolha de reitor e vice-reitor para um mandato de quatro anos.

A votação, que também será on-line, pelo Sistema Integrado de Gestão de Eleição (SigEleição) da UFPB, acontecerá no dia 26 de agosto, das 7h às 22h. O voto será secreto e a votação ocorrerá em turno único. (Foto: Reprodução)

Por

O professor doutor Isac Almeida de Medeiros e a professora doutora Regina Celi, da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), registraram, na tarde desta quarta-feira (29), as candidaturas a reitor e vice-reitora da instituição. Os docentes concorrerão pela chapa “UFPB em primeiro lugar”. A consulta prévia junto à comunidade universitária vai subsidiar a elaboração de lista tríplice para a escolha de reitor e vice-reitor para um mandato de quatro anos. 

Na ocasião do pedido de inscrição, a chapa Isac-Regina apresentou a sua carta programa dirigida à comunidade universitária, tendo como princípios norteadores ensino público, gestão humanizada, governança pública, busca pela excelência, sustentabilidade e descentralização. 

“Nossa carta programa é fruto do empenho coletivo de todas as pessoas que fazem e acreditam na educação superior pública, inclusiva, gratuita, de qualidade, socialmente referenciada. Nessa carta programa nós reunimos os princípios, as diretrizes, os valores que têm orientado as nossas trajetórias”, afirma o professor Isac.  

O docente também destaca o legado do reitorado da professora Margareth Diniz. “Nós melhoramos os indicadores de desempenho da universidade, tanto no ensino, na pesquisa, na extensão, na inovação, na internacionalização, na gestão, e propomos muitos avanços que certamente projetam a universidade do futuro”, explica o professor. 

A professora Regina Celi, por sua vez, afirma que seu sentimento é de compromisso e de responsabilidade e ressalta a importância de avançar no trabalho e no diálogo para dar seguimento às ações exitosas. “É um trabalho de grande envergadura no sentido de respaldar e validar esse legado que estamos recebendo, não se pode negar todos os avanços, os indicadores estão aí”, assevera a professora.     

A proposta projeta uma UFPB de excelência em nove eixos de atuação: acadêmico e científico, da arte e cultura, das pessoas, das políticas de inclusão e democracia universitária, o eixo administrativo, o da infraestrutura, o da sustentabilidade, os campi fora de sede e o Hospital Universitário Lauro Wanderley. Entre os desafios aos quais as universidades federais estão submetidas, o professor Isac cita a necessidade da manutenção de novos investimentos.

A inscrição da chapa feita junto à comissão organizadora da consulta foi direcionada à Secretaria dos Órgãos Deliberativos da Administração Superior (Sods), por meio de processo eletrônico, através do Sistema Integrado de Patrimônio, Administração e Contratos (Sipac) e o processo é público. A consulta prévia é regulamentada na Resolução 04/2020 do Conselho Universitário (Consuni) da UFPB. 

Esta é a primeira vez que a UFPB registra candidaturas de forma on-line, em virtude da situação de emergência em saúde decorrente da pandemia. Essa condição alterou as atividades da UFPB e tanto o enfrentamento à Covid-19 como o pós-pandemia estão entre os desafios para a universidade. 

A votação, que também será on-line, pelo Sistema Integrado de Gestão de Eleição (SigEleição) da UFPB, acontecerá no dia 26 de agosto, das 7h às 22h. O voto será secreto e a votação ocorrerá em turno único.

Poderão votar professores e técnico-administrativos do quadro permanente da UFPB e em efetivo exercício, e discentes da UFPB formalmente matriculados nos cursos de médio e profissionalizante, graduação e tecnológico, pós-graduação (stricto sensu), mestrados (acadêmicos e profissionalizantes), doutorados e pós-graduação (lato sensu), nas modalidades de especialização, residência médica, residência multiprofissional e residência em área profissional da saúde.

O resultado da consulta será divulgado no mesmo dia da votação, 26 de agosto, e homologado em 3 de setembro, pelo Consuni. 

A lista tríplice, com os três primeiros nomes mais votados para cada cargo, será enviada para o Ministério da Educação (MEC) até 11 de setembro.

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

UFPB estuda criar curso de Medicina Veterinária e hospital para animais em João Pessoa

Começam nesta quinta-feira as matrículas para alunos novatos da rede municipal em Campina Grande

Cabedelo autoriza início das aulas presenciais da rede municipal a partir de 1º de março

Paraíba receberá R$ 36 milhões de parcela integral e complementação da União ao Fundeb