Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Educação

Editoria sobre Educação ir para editoria →

Em reunião

Reitor da UFPB, Valdiney Gouveia, afirma que definição sobre aulas em 2021 deve sair ainda hoje

Valdiney Gouveia explicou que na reunião será avaliada a possibilidade de retorno às atividades presenciais e as condições para isso.

Reitor da UFPB está em reunião para definir possível retorno às aulas presenciais (Foto: Walla Santos/ClickPB)

Por

O reitor da Universidade Federal da Paraíba, Valdiney Gouveia, está reunido com pró-reitores e a equipe responsável pela biossegurança na UFPB na manhã desta quarta-feira (2) para definir se a instituição terá aulas presenciais no próximo ano. Ao ClickPB, o reitor afirmou que espera ter uma decisão ainda hoje.

O Ministério da Educação publicou uma portaria hoje definindo o retorno das aulas presenciais nas instituições de ensino superior federais a partir do dia 4 de janeiro. O documento foi o que motivou a reunião.

Valdiney Gouveia explicou que na reunião será avaliada a possibilidade de retorno às atividades presenciais e as condições para isso. A reitoria deve decidir se as aulas seguirão de forma virtual, voltarão a ser presenciais ou se será adotado um modelo híbrido, com aulas remotas e presenciais a depender do curso e da situação.

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

UFPB inscreve para seleção da primeira turma do curso de formação em Inteligência Artificial

UFPB estuda criar curso de Medicina Veterinária e hospital para animais em João Pessoa

Começam nesta quinta-feira as matrículas para alunos novatos da rede municipal em Campina Grande

Cabedelo autoriza início das aulas presenciais da rede municipal a partir de 1º de março