Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Mundo

Editoria sobre Mundo ir para editoria →

Ponta Porã

Helicóptero com 246 quilos de cocaína cai na região da fronteira com Paraguai

Duas pessoas morreram no acidente e seus corpos foram encontrados carbonizados.

Helicóptero com 246 quilos de cocaína cai na região da fronteira com Paraguai (Foto: Reprodução)

Por

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Um helicóptero com 246 quilos de cocaína caiu nesta quarta-feira (20) em um fazenda na região de Ponta Porã (MS), na fronteira com o Paraguai.

Duas pessoas morreram no acidente e seus corpos foram encontrados carbonizados.

O helicóptero modelo Robinson R66 Turbine prefixo PR ITT consta em nome de empresa imobiliária de Taubaté, no interior paulista. A aeronave tinha situação regular.

Policiais militares, federais e da Guarda Civil Municipal de Ponta Porã e da Polícia Rodoviária Federal (PRF) estiveram no local, assim como uma equipe da DRACCO (Departamento de Repressão a Corrupção e ao Crime Organizado da Polícia Civil do Mato Grosso do Sul).

A Polícia Civil solicitou exames periciais e papiloscópicos para tentar identificar os ocupantes da aeronave.

De acordo com apurações preliminares, uma das vítimas teria no peito a tatuagem com a inscrição "salmo 63". No segundo corpo, haveria outras tatuagens com palavras "amor" e "gratidão".

O acidente aconteceu no começo da tarde, em uma fazenda onde trabalhadores atuavam em uma área de plantio de sementes.

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Italiano tenta se vacinar contra a covid com falso braço de silicone

Hospital aciona equipe antibomba para receber homem com bala de canhão no ânus

Pessoa infectada com ômicron foi a show com 1600 pessoas na Dinamarca

Alemanha prevê pico em UTIs e ministro diz que vacinação evitaria o cenário