Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Mundo

Editoria sobre Mundo ir para editoria →

Espancamento

Menina de 9 anos morre após ser espancada durante ritual de exorcismo

De acordo com o UOL, a mãe da menina e a mulher responsável pela cerimônia brutal foram presas.

Conforme o porta-voz da polícia, Ajith Rohana, o objetivo da mulher era tirar o “demônio” da filha. (Foto: Reprodução)

Por

Uma criança de apenas 9 anos foi espancada até a morte durante um ritual de exorcismo realizado no último fim de semana na cidade de Delgoda, no Sri Lanka. De acordo com o UOL, a mãe da menina e a mulher responsável pela cerimônia brutal foram presas.

De acordo com as autoridades, que detiveram as mulheres nessa segunda-feira (1/3), a mãe da criança acreditava que ela possuía um espírito maligno dentro do corpo. Por isso, solicitou os serviços de uma exorcista.

Conforme o porta-voz da polícia, Ajith Rohana, o objetivo da mulher era tirar o “demônio” da filha. Porém, o ritual culminou na morte da menina, que foi banhada em óleo e espancada com uma bengala até desmaiar.

Levada ao hospital, a criança não resistiu aos ferimentos e veio a óbito. Segundo Rohana, a mulher que conduziu a cerimônia é conhecida na região, mas este não é o primeiro caso que sai de controle. Ela e a mãe da vítima aguardam julgamento.

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Bernie Madoff, criminoso que deu o maior golpe financeiro de todos os tempos, morre na prisão aos 82 anos

Primeiro-ministro da França cita cloroquina no Brasil ao rebater deputado e provoca risos

Justiça argentina absolve Cristina Kirchner em ação por delito financeiro

Biden vai adiar saída dos EUA do Afeganistão para 11 de setembro