ataque

Primeira-ministra da Dinamarca é atacada em Copenhague; polícia prende suspeito

A agressão a primeira- ministra aconteceu na região central da cidade. Segundo uma testemunha, a primeira-ministra parecia estar levemente abalada, deixou o local caminhando e, aparentemente, não ficou machucada.

Mette Frederiksen em 5 de junho de 2024 — Foto: Ritzau Scanpix/Mads Claus Rasmussen/Via Reuters

Mette Frederiksen em 5 de junho de 2024 — Foto: Ritzau Scanpix/Mads Claus Rasmussen/Via Reuters

A primeira-ministra da Dinamarca, Mette Frederiksen, foi atacada e agredida por um homem nesta sexta-feira (7), na região central de Copenhague nesta sexta-feira (7). A informação é da agência de notícias Ritzau.

Ainda não há informações oficiais sobre o estado de saúde dela. O homem foi preso logo após o incidente, de acordo com a Ritzau.

Em nota, o gabinete dela afirma que Mette Frederiksen foi agredida em uma praça em Copenhague por um homem que foi preso logo em seguida. O texto também afirma que a primeira-ministra estava chocada com o incidente.

Segundo um barista que trabalha em um café na praça e testemunhou a agressão, a primeira-ministra parecia estar levemente abalada, deixou o local caminhando e, aparentemente, não ficou machucada.

A polícia afirmou na rede social X (antigo Twitter) que prendeu um homem e que investiga o incidente.

Magnus Heunicke, ministro de Meio Ambiente da Dinamarca, afirmou que Mette estava abalada pelo ataque, o que é natural.

COMPARTILHE

Bombando em Mundo

1

Mundo

VÍDEO: turista brasileiro atacado por homem com maçarico é salvo por nudistas nos Estados Unidos

2

Mundo

VÍDEO: avião da LATAM bate e arrasta cauda ao decolar

3

Mundo

Após pedir que Biden desista de concorrer, ‘The New York Times’ chama Trump de ‘perigoso’ e ‘escolha aterrorizante’

4

Mundo

Polícia britânica faz ‘caçada humana’ contra suspeito de ter matado três mulheres com arco e flecha

5

Mundo

Brasileira é encontrada morta nos Estados Unidos e família pede ajuda para trazer corpo de volta