Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Paraíba

Editoria sobre Paraíba ir para editoria →

Paraíba

Advogado Raoni Vita critica criação de cartórios unificados e diz que OAB precisa restaurar voz ativa e respeitabilidade

"O objetivo dessa medida não foi celeridade, mas economia financeira, lotando num único cartório os pouquíssimos servidores", lamentou o advogado.

Vita finaliza sua manifestação clamando para que possa ser garantido o diálogo entre a classe de advogados a o Poder Judiciário do Estado. (Foto: Reprodução)

Por

O advogado Raoni Vita criticou nesta sexta-feira (22) a criação dos cartórios unificados nas comarcas de João Pessoa e Mamanguape, sem qualquer apontamento ou voz ativa da Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Paraíba (OAB-PB) sobre o caso. Ele comentou que a decisão da Justiça segue a "traumática experiência" das Varas de Família e de Mangabeira.

"O objetivo dessa medida não foi celeridade, mas economia financeira, lotando num único cartório os pouquíssimos servidores", lamentou o advogado, destacando ainda que a situação deve piorar a produtividade, "pois tende a rebaixar a qualidade de algumas boas unidades, agora misturadas com outras que possuem rendimento sofrível".

Vita finaliza sua manifestação clamando para que possa ser garantido o diálogo entre a classe de advogados a o Poder Judiciário do Estado. "Precisamos restaurar a respeitabilidade da OAB e da própria categoria para que haja sempre o necessário diálogo institucional real ou, quando este não solucionar por adversidades pontuais, a adoção rápida, efetiva e estratégica de medidas, enfrentando os sérios problemas existentes".

Confira o texto de Raoni Vita:

“UM HOMEM MORRE QUANDO SE RECUSA A DEFENDER O QUE É CERTO” – O CASO DA UNIFICAÇÃO DOS CARTÓRIOS JUDICIAIS

A primeira parte do título traduz trecho da fala de Martin Luther King Jr. no movimento de Selma (Alabama, 1965) que redundou na conquista do direito ao voto dos negros estadunidenses. Na semana em que anualmente se relembra o legado deste grande líder, agradeço pelas inúmeras mensagens recebidas de colegas que se identificam com o sentimento de indignação e mudança presente na nossa classe, diante do seu severo enfraquecimento nos últimos anos.

Mais um símbolo disso foi a publicação no DJE-TJ/PB desta terça-feira (19/01), criando os famigerados “cartórios unificados” nas Varas da Fazenda e Juizados da Capital, e nas Varas de Mamanguape, seguindo a traumática experiência das Varas de Família e de Mangabeira, a qual se revelou complicadora e emperradora.

E tudo isso sem haver interlocução com a classe, em mais uma demonstração da falta de sintonia e crise de representatividade, afora o novo silêncio sepulcral da OAB sobre mais esta perda.

O objetivo dessa medida não foi celeridade, mas economia financeira, lotando num único cartório os pouquíssimos servidores – há varas com somente dois ativos –, o que, ao invés de solucionar o baixo nível de produtividade do primeiro grau, deve piorá-lo ainda mais, pois tende a rebaixar a qualidade de algumas boas unidades, agora misturadas com outras que possuem rendimento sofrível.

A verdadeira melhoria passa pela convocação de aprovados no último concurso público, muitos inclusive já obtiveram decisões ordenando nomeação, ou, caso não se entenda possível, que se realize novo concurso para que o Tribunal priorize seu objetivo primordial: julgar bem e com celeridade.

Precisamos restaurar a respeitabilidade da OAB e da própria categoria para que haja sempre o necessário diálogo institucional real ou, quando este não solucionar por adversidades pontuais, a adoção rápida, efetiva e estratégica de medidas, enfrentando os sérios problemas existentes.

Raoni Lacerda Vita (OAB/PB 14.243)

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

João Pessoa fica entre assuntos mais comentados do Twitter e memes sobre fortes chuvas na capital da Paraíba invadem redes sociais

Quase 54 mil vacinas contra Covid-19 são entregues aos municípios paraibanos; confira quantas doses recebidas

João Pessoa registra, em menos de oito horas, 64% a mais do volume de chuvas previsto para o mês; fim de semana também será chuvoso

Rodovias com pista molhada aumentam o número de derrapagens provocadas por aquaplanagem e PRF já registra três acidentes na Paraíba