Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Paraíba

Editoria sobre Paraíba ir para editoria →

Neste sábado

Caixas misteriosas voltam aparecer no litoral da Grande João Pessoa

Neste sábado (12), o ClickPB recebeu imagens das caixas encontradas nas praias de Camboinha e Areia Dourada no município de Cabedelo.

As caixas misteriosas foram encontradas em praias de Cabedelo (Foto: Walla Santos )

Por

As caixas misteriosas voltaram a aparecer no litoral da Grande João Pessoa. Neste sábado (12), o ClickPB recebeu imagens das caixas encontradas nas praias de Camboinha e Areia Dourada no município de Cabedelo. 

Caixa na praia de Camboinha - Foto: Walla Santos

Até o momento, nenhum órgão se manifestou sobre a procedência das caixas recentemente encontradas, mas elas são muito semelhantes às que haviam aparecido no litoral por diversas vezes a partir de outubro de 2018. É possível que sejam objetos da mesma origem, trazidos pela maré alta.

A última vez que uma caixa apareceu no litoral paraibano foi em fevereiro de 2020. Uma caixa foi encontrada na praia do Bessa, outra na praia da Penha e também na praia do Cabo Branco entre este domingo (09) e esta segunda-feira (10).

Pequisadores do Instituto de Ciências do Mar (Labomar), da Universidade Federal do Ceará (UFC), descobriram, no ano de 2019, que o material é proveniente de um navio alemão que naufragou no litoral nordestino em 1944.

Caixa na praia de Areia Dourada - Foto:Walla Santos

A descoberta ocorreu por coincidência, quando os pesquisadores tentavam descobrir a origem do óleo que atingiu o litoral do país no ano passado, que permanece um mistério até hoje.

As caixas são grandes fardos de borracha, mas ainda não se sabe para que eram utilizados. Em uma delas havia uma placa metálica com inscrições em alemão, que foi a principal pista para a descoberta da origem do material.

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

População reclama de existência de área VIP no São João de Santa Rita: "discriminando o povo"

Saúde adere campanha para aumentar coberturas vacinais na Paraíba

Programa Opera Paraíba leva mutirão de 300 cirurgias de catarata para o Hospital Geral de Queimadas

Menina de 12 anos transforma cinco vidas com doação de múltiplos órgãos registrada no Hospital de Trauma de João Pessoa