Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Paraíba

Editoria sobre Paraíba ir para editoria →

baixaria não

Campanha contra baixaria no rádio e TV será lançada na Paraíba

A campanha "Quem financia a baixaria é contra a cidadania" deverá ser estruturada na Paraíba. Pelo menos é o que desejam várias entidades da sociedade civil, pr

Por

A campanha "Quem financia a baixaria é contra a cidadania" deverá ser estruturada na Paraíba. Pelo menos é o que desejam várias entidades da sociedade civil, preocupadas com a falta de respeito aos direitos humanos e à dignidade do cidadão em alguns programas de rádio e TV no Estado. Um dos idealizadores é Alexandre Guedes, advogado e membro da Comissão do Fórum de Ética e Mídia da Paraíba, representante da Ordem dos Advogados do Brasil.

Por meio da campanha "Quem financia a baixaria é contra a cidadania", é feito o acompanhamento permanente da programação nas rádios e TVs. Os avaliadores publicam a lista dos programas que desrespeitam a Constituição no que se refere aos direitos humanos e cidadania, tornando pública a relação dos anunciantes de tais programas. "O objetivo é chamar essas empresas que patrocinam tais programas para a sua responsabilidade social com ética, desenvolvimento e direitos humanos e educação para o exercício da cidadania ativa na comunidade", esclareceu Guedes.

O advogado explicou que uma Comissão deverá avaliar as mentiras, incitamento ao crime, atentados aos direitos humanos das minorias, preconceito racial e homofobia, além de outros ataques feitos contra populações pobres e crianças e adolescentes perpetrados por alguns comunicadores em emissoras de rádio e TV. "Não se trata de censura, mas achamos que é dever da sociedade e dos poderes públicos avaliar esses programas e debater a responsabilidade social da mídia", explicou.

A campanha deverá ser lançada em audiência pública na OAB/PB, ficando marcada reunião plenária para tratar deste e de outros temas no dia 30 de julho às 9h na sede da entidade.

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

MPF obtém liminar para encerrar lixão em comunidades quilombolas no Sertão paraibano

Abaixo-assinado pelo fim da prática de vaquejada em Cuité consegue mais de 30 mil assinaturas

Claro tem recurso negado e deve pagar indenização a cliente por cobrança indevida de contrato fraudulento

Marcos quer revogar título de Cidadão Pessoense a Bolsonaro e diz que PT tem nomes para disputar a prefeitura